Jada Pinkett Smith revela que está há sete anos separada de Will Smith
Crédito: reprodução

Jada Pinkett Smith compartilhou novas reflexões sobre o seu casamento de quase 20 anos com Will Smith.

A relação dos artistas se tornou tema recorrente dos veículos de comunicação ao longo deste mês de Outubro após a atriz revelar, durante algumas entrevistas de divulgação do seu novo livro de memórias Worthy, que estava separada de Will há sete anos.

Ela revelou ainda que o polêmico tapa que seu marido deu em Chris Rock no Oscar de 2022 pode ter salvado seu casamento mas, até o momento, a relação ainda parece estar conturbada.

No último domingo (29), em conversa íntima com Cynthia Erivo no Southbank Centre de Londres, Pinkett abordou um dos temas de seu livro, que é a compreensão dos títulos “pai, filha, amigo e marido”.

As atrizes discutiram sobre como essas pequenas palavras podem significar laços tão importantes, da mesma forma que também podem fazer com que alguém fique “cego com relação ao amor” (via Independent).

Jada Pinkett Smith aprendeu a amar pessoas “além dos títulos”

Durante a nova entrevista, Jada Pinkett apontou que muitas reportagens interpretaram de forma errada sua “comunicação” sobre o que ela estava vivendo com Will Smith:

Mesmo com toda essa loucura acontecendo, as pessoas entendem mal minha comunicação sobre meu relacionamento com Will. Uma das maiores lições [que tive] e o motivo pelo qual Will é um guru para mim é porque tive que aprender a amá-lo incondicionalmente.

Tive que aprender a amá-lo além do título de ‘marido’ e de todas as expectativas e todo o romantismo que vem com isso, e aprender a amá-lo como ele é – com tudo. Com sua luz brilhante e a sombra, e amá-lo ali mesmo. Ele não veio a esta Terra apenas para ser meu marido.

A atriz revelou que a primeira vez que sentiu que as pessoas eram muito mais do que os títulos que adquiriram foi depois que seu pai, Robsol Pinkett, que enfrentava o vício em drogas e álcool, “desviou do caminho” e faleceu após ter uma overdose em 2010:

Foi a primeira vez que reconheci como os títulos podem deixar alguém cego para o amor. Como ele não poderia aparecer e ser o pai que eu precisava que ele fosse, eu queria descartá-lo por isso. [Enquanto isso eu poderia] ver que o Robsol nasceu para o seu destino, para o seu caminho. Ele não nasceu apenas para ser meu pai. Eu não conseguia imaginá-lo além do título ao qual ele não comparecia.

Em Worthy, Jada se descreve como a “filha abençoada de dois viciados” e compartilha que sua infância em Baltimore foi marcada por convulsões e traumas pessoais – incluindo viver com uma mãe que sofreu um vício em heroína por 20 anos.

A atriz confessou que até hoje “é difícil abraçar essa ideia de trauma” e, em um momento de vulnerabilidade, disse que “não tinha planejado [chegar até] os 40”, explicando que começou uma luta com a sua saúde mental ao ser diagnosticada com depressão clínica aos 21 anos.

Casamento de Jada Pinkett e Will Smith

Pinkett ainda voltou a falar sobre o relacionamento com Will Smith, explicando que o casal tomou em 2016 a decisão de “se separar de maneira adorável”, pois eles não estavam conseguindo “ouvir ou ver um ao outro”. Explicando o motivo de não terem se separado legalmente, ela disse:

Para nós, o que mais importava era o acordo mútuo e informar os filhos da nossa separação. Permaneceríamos fortes como uma família, não perderíamos a nossa amizade e manteríamos a nossa política de total transparência – ou seja, sem segredos sobre o que estávamos a fazer e com quem o estávamos a fazer.

A atriz ainda negou os rumores de que ela e Will tinham uma relação aberta e se envolviam com outros casais ou que “estavam dormindo com quem queríamos, sempre que quiséssemos”.

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! BRASIL

Música brasileira de primeira: MPB, Indie, Rock Nacional, Rap e mais: o melhor das bandas e artistas brasileiros na Playlist TMDQA! Brasil para você ouvir e conhecer agora mesmo. Siga o TMDQA! no Spotify!