Jon Zazula, cofundador da Megaforce Records e primeiro produtor do Metallica, morre aos 69 anos
Reprodução / Instagram

Jon Zazula, cofundador da influente gravadora Megaforce Records, faleceu aos 69 anos de idade na última terça-feira (1º).

De acordo com a família, o empresário também conhecido como Jonny Z morreu por causa de complicações de um raro distúrbio neuropático chamado polineuropatia desmielinizante inflamatória crônica (PDIC), além de possuir doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e osteopenia (via Blabbermouth).

Jon e sua esposa Marsha Zazula, que faleceu em Janeiro do ano passado, fundaram a gravadora que foi fundamental para apoiar o início das carreiras de bandas como Metallica, Anthrax, Testament, Overkill e muitas outras.

O perfil da Megaforce Records lamentou no Twitter o falecimento de Jon e enalteceu seu papel na indústria da música, dizendo:

O mundo do Rock e do Metal não seria o que é hoje sem Jon Zazula. O amor de Jon pela música e pelos músicos era inabalável. Um gigante foi perdido hoje. Descanse em paz Jon.

Jon Zazula

Como descreve a Billboard, em 1981, após se casar com Marsha, Jonny Z começou a vender discos de vinil importados em um mercado de Nova Jersey e, com o passar do tempo, o casal foi se tornando conhecido entre os artistas de Metal. Entre as amizades estavam o vocalista do Overkill, Bobby “Blitz” Ellsworth, e o baterista do Anthrax, Charlie Benante, que se aproximaram do casal por eles disponibilizarem obras raras da música.

Com a repercussão positiva, os Zazulas abriram uma loja física chamada Rock n’ Roll Heaven em Clark, Nova Jersey.

O futuro do casal começou a mudar após eles ouvirem a demo No Life ‘Til Leather do Metallica e decidirem criar a Megaforce Records para lançar o álbum de estreia da banda, Kill ‘Em All, em 1983.

Apesar do lendário grupo ter assinado com a Elektra Records no ano seguinte, o sucesso da Megaforce com a banda fez com que a gravadora aumentasse sua lista de artistas e assinasse acordos de distribuição com a Atlantic e a Island Records, fornecendo um meio para seus artistas chegarem a grandes gravadoras.

Assim, a Megaforce se tornou uma importante ponte para o mainstream do subgênero Thrash Metal de uma forma geral.

Metallica

O quarteto, que sempre agradeceu pelo apoio oferecido por Marsha e Jon no início de sua trajetória, publicou em sua conta do Instagram uma homenagem ao empresário. A mensagem diz:

A música pesada perdeu um de seus grandes campeões hoje quando Jonny Z deixou este mundo muito cedo. Em 1982, quando ninguém queria dar uma chance a quatro garotos da Califórnia tocando uma Metal muito louco, Jonny e Marsha o fizeram, e o resto, como dizem, é história. Ele era um mentor, um empresário, um chefe de gravadora e uma figura paterna para todos nós… O Metallica não seria quem é ou estaria onde está hoje sem Jon Zazula e sua esposa, Marsha.

Nosso amor e sentimentos vão para os filhos de Jonny e seus netos, que ele amou e trouxe para nossos shows desde o momento em que usavam fraldas. Esperamos que eles possam se confortar em saber que ele está reunido com Marsha e que ele ajudou a trazer tanta música incrível para tantos. Espero que haja um grande show acontecendo lá hoje à noite para recebê-los!

Sentiremos sua falta Jonny!

Em uma declaração separada, o baterista do Metallica, Lars Ulrich, agradeceu Jon Zazula por ter acreditado na banda e por todos os seus ensinamentos. Ele disse:

Obrigado Jonny por dar uma chance a esses caras loucos, barulhentos, intransigentes e indisciplinados do Norte da Califórnia que não sabiam o que estava para cima, para baixo ou para os lados, mas que estavam prontos, dispostos e mais do que capazes de jogar tudo ao vento e ir em frente…

Obrigado por nos dar um sentimento de pertencimento e, finalmente, um senso de autoestima.

Serei eternamente grato por sua amizade, conselhos e crença cega de que a música que tocamos poderia ser compartilhada com muito mais pessoas que eram como nós… estranhos e desajustados!

Descanse em paz meu amigo.

O frotman da banda, James Hetfield, também deixou um recado individual para o empresário, dizendo:

Deus descanse sua alma Jonny. Meu coração está cheio de gratidão por ter dado uma chance a mim e aos meus companheiros de banda.

A história de como Jon e Marsha terminaram assinando com uma das bandas que moldou o som do Heavy Metal nas próximas décadas foi contada com mais detalhes na biografia de Jonny, Heavy Tales: The Metal. The Music. The Madness. As Lived By Jon Zazula, lançada em Outubro de 2019.

Que Jon Zazula descanse em paz! Confira abaixo as publicações em homenagem ao empresário.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Metallica (@metallica)

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!