Beyoncé, Pearl Jam, Taylor Swift
Crédito: Divulgação | Reprodução | Diego Castanho exclusivamente para o TMDQA!

A música e o cinema sempre andaram juntos, mas agora eles estão em uma simbiose pra lá de lucrativa. 

Na maior parte do tempo, a música é presença marcante nos filmes, seja pelas trilhas sonoras incidentais, seja pelas canções originais. Vez ou outra, a música vira assunto de uma cinebiografia ou então se torna protagonista, nos musicais. 

Mas agora a música criada pelos nossos artistas favoritos está, também, ganhando espaço no escurinho do cinema. Isso graças a filmes de concerto e experiências de álbuns que buscam criar uma outra relação com os fãs.

Os artistas que compõem essa revitalização são diversos, abrangendo desde divas pop até lendas do rock. Mergulhe nessa lista para conhecer projetos recentes de sucesso!

A música no cinema: 5 artistas que estão brilhando nas telonas

Beyoncé

Beyoncé
Divulgação

A “Rainha Bey” deu o tom inicial com Homecoming, um documentário que transcende o simples registro de sua apresentação histórica no Coachella em 2018. O filme se transforma em uma ode à cultura afro-americana, empoderamento feminino e resiliência, utilizando a música como ferramenta de transformação social. 

Mas o marco cultural mesmo foi Renaissance, um filme que ela dirigiu da sua turnê icônica. Agora, Beyoncé já está em nova fase, mas seu longa ainda se faz presente na cultura pop – e na economia. Graças a esse lançamento (e também ao filme abaixo), a maior cadeia de cinemas da América do Norte fechou as contas no azul

Taylor Swift

Taylor Swift se apresenta no estádio Nilton Santos
Crédito: Diego Castanho exclusivamente para o TMDQA!

A estrela pop lançou em 2020 Miss Americana, um documentário que vai além dos bastidores da “Reputation Stadium Tour”. O filme revela suas inseguranças e amadurecimento.

Tudo para abrir caminho para Taylor Swift: The Eras Tour, o filme concerto mais bem-sucedido de todos os tempos. Mais do que um registro visual, o filme proporciona uma imersão profunda no universo musical de Taylor. A narrativa acompanha a artista em sua jornada através de dez eras distintas, desde o country acústico de seus primeiros álbuns até o pop vibrante de seus trabalhos mais recentes.

A bilheteria total de Taylor Swift: The Eras Tour foi de US$261,7 milhões em todo o mundo. Tem filme de super heroi que daria um rim por uma bilheteria dessas

Pearl Jam

Pearl Jam alcança topo de parada pela primeira vez
Crédito: reprodução

Em 2017, a banda Grunge dos anos 90 presenteou seus fãs com o documentário Let’s Play Two. O filme captura a energia contagiante de dois shows memoráveis em Seattle, onde o grupo toca na íntegra seus dois primeiros álbuns, Ten e Vs. 

Mas agora o Pearl Jam quer voltar aos cinemas. Após quatro anos, a banda retorna com o álbum Dark Matter. O grupo liderado por Eddie Vedder oferece aos fãs uma experiência única nos cinemas no dia 16 de abril, antes do lançamento oficial do álbum em 19 de abril. 

Os fãs que comprarem os ingressos serão os primeiros a ouvir Dark Matter – e não apenas uma vez. Na primeira audição, a música será tocada na sala escura, sem imagens. Na segunda, os fãs poderão ouvir o álbum com visuais na tela durante a reprodução.

Continua após o vídeo

Metallica 

James Hetfield tocando guitarra com o Metallica no Rio de Janeiro
Foto de James Hetfield via Shutterstock

Os titãs do heavy metal celebraram 40 anos de riffs poderosos e headbanging em 2013 com Metallica: Through the Never, um filme que transcendeu os limites do gênero. A banda entrega ali um show eletrizante, enquanto uma história fictícia se desenrola paralelamente, criando uma experiência imersiva que envolve o público em um turbilhão de som e imagem. 

Mas não parou por aí. Ainda no ano passado, o Metallica levou seu mais recente álbum, 72 Seasons, aos cinemas. Como no caso do Pearl Jam, tratou-se de uma listening party onde os fãs puderam conferir o disco antes de todo o mundo. 

Para fechar com chave de ouro, o grupo também trouxe shows para as telonas, com o projeto Metallica: M72 World Tour Live From Arlington, TX – A Two Night Event, que foi exibido ao vivo em alguns lugares do mundo – no Brasil, a exibição foi gravada por conta do fuso horário.

Continua após o vídeo

Talking Heads

Talking Heads
Foto via Wikimedia Commons

A banda New Wave que marcou os anos 80 ganhou um documentário biográfico dirigido por ninguém menos que Jonathan Demme, o aclamado diretor de O Silêncio dos Inocentes. Em 2023, a conceituada produtora A24 voltou com o filme aos cinemas para celebrar seus 40 anos. 

A diferença dessa nova versão de Stop Making Sense é que o filme foi totalmente restaurado em 4K.

E para completar, o lançamento será acompanhado de um álbum tributo, Everyone’s Getting Involved, com covers da banda de David Byrne feitos por nomes como Paramore, Miley Cyrus, Girl in Red, The National, BadBadNotGood, Toro y Moi, Chicano Batman, The Linda Lindas, El Mató a un Policía Motorizado e The Cavemen.

Continua após o vídeo

Com o impacto positivo de documentários sobre artistas em plataformas de streaming e as altas bilheterias alcançadas pelos filmes concerto nas salas, dá pra notar que a música e o cinema devem estreitar ainda mais seus laços para ganhos mútuos para ambas as indústrias. Errados não estão – e os fãs já estão na fila para mais experiências com seus artistas favoritos.

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! ALTERNATIVO

Clássicos, lançamentos, Indie, Punk, Metal e muito mais: ouça agora mesmo a Playlist TMDQA! Alternativo e siga o TMDQA! no Spotify!