Lars Ulrich e Royal Blood
Fotos via Shutterstock/Divulgação
 

O baterista do Metallica, Lars Ulrich, falou sobre o amor de sua família pelo duo britânico Royal Blood.

Ele estava falando com a NME para um especial em que o Metallica e fãs famosos — incluindo o baterista do Royal Blood, Ben Thatcher — compartilharam seu amor pelo Black Album, que completou 30 anos em 2021.

Na entrevista, Ulrich revela que ele, os filhos e a esposa se apaixonaram pelo primeiro álbum dos caras, que leva o nome da própria dupla e estreou em 2014. Ainda durante o papo, Lars lembrou como foi que surgiu a paixão pela música da dupla de Brighton:

Toda a nossa família se apaixonou [pelo primeiro álbum quando ele foi lançado]. Era a banda e o álbum favorito dos meus filhos. A primeira vez que eles tocaram em San Francisco, minha esposa e eu os encontramos e saímos juntos. Acabamos conduzindo-os e mostrando-lhes os pontos turísticos.

No fim, a conexão foi tão expressiva que o Royal Blood apareceu no novo disco de covers The Metallica Blacklist (2021), com uma cover de “Sad But True”.

Lars Ulrich e Royal Blood

Lars Ulrich também revelou que a primeira banda de seu filho mais velho já teve seis covers do duo em seu set ao vivo — ele disse, aliás, que se tratava basicamente de uma banda cover do Royal Blood.

A pegada continua semelhante no Taipei Houston, duo que conta com os dois herdeiros do baterista assumindo justamente baixo, voz e bateria em uma formação pra lá de semelhante à dos britânicos. Você pode conferir registros do show de estreia da dupla por aqui.

   
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.