Grimes arrecada 6 milhões de dólares com coleção de arte digital
Reprodução / YouTube | Divulgação / Nifty Gateway
 

Recentemente Grimes lançou um novo projeto de arte em um leilão de criptomoeda e arrecadou mais de US$6 milhões.

A canadense disponibilizou o primeiro volume de sua coleção WarNymph com 10 peças de arte digital, algumas únicas e outras com milhares de cópias, na forma de tokens não fungíveis (NFT), criadas em parceria com seu irmão Mac Boucher (via CoS).

Um NFT é um token de criptomoeda exclusivo que pode ser usado para verificar a autenticidade e propriedade em uma rede blockchain (via MoneyTimes).

WarNymph Collection Vol 1

As peças que são acompanhadas por músicas exclusivas foram lançadas através do Nifty Gateway. As obras que incluem vídeos curtos com imagens e áudios esgotaram em 20 minutos.

Duas obras que foram vendidas por US$7.500 cada, receberam os nomes Earth e Mars. A primeira conta com a faixa inédita “Ærythe” e a segunda com a trilha sonora “Mars Theme”.

Já a peça Death of the Old que foi vendida por US$ $388,938.00, apresenta a demo “Anhedonia”, confira logo abaixo.

Segundo a descrição do Nifty Gateway, uma porcentagem da receita das vendas da coleção WarNymph NFT será doara para a ONG Carbon 180. Ela é dedicada a reduzir as emissões de carbono.

A descrição do projeto também apresenta a personagem WarNymph criada por Grimes e como ela é retratada nas obras dessa primeira coleção.

WarNymph é a Deusa da Neo-Genesis. Ela luta contra a força destrutiva de ideias obsoletas e da decadência sistêmica que ameaça o futuro. Ela incorpora o poder de regeneração perpétua que se manifesta em um estado de infância infinita, onde ela troca sua velha pele de corrupção.

O primeiro de seu tipo, WarNymph é uma entidade digital emendada a partir de um pixel de DNA de um humano orgânico, Grimes. Mesclando as imagens brutas de uma varredura de fotogrametria, enunciando suas tatuagens icônicas, com uma malha retopologizada que foi esculpida, modelada e transformada em uma variedade de formas antes de ser permanentemente selada no corpo de um anjo bebê, um querubim.

Ela existe no estado liminar do mundo virtual, um universo narrativo Grimes, dentro de uma história alternativa de mitologia e os fragmentos infinitos do futuro. Ela é uma pioneira no metaverso em rápida expansão.

Esta foi a segunda vez que Grimes participou de um leilão de arte online. No ano passado a cantora anunciou um projeto chamado Selling Out, no qual vendeu um pedaço de sua alma, lembre aqui.

 
 
Compartilhar