Jonathan Ferr por Caio Rosa (alta)
Foto por Caio Rosa
   

“É uma pena que o mundo tá acabando e eu te conheci”… ah, que sentimento maluco de quarentena, hein? É assim que “Te Assistir Sorrir”, novo single do pianista carioca Jonathan Ferr e que chega amanhã (17), abre os trabalhos.

A nova faixa do músico mistura hip-hop com jazz em uma baita melodia, e ainda tem as participações dos rappers Choice e niLL, além do beatmaker Lossio. A canção, que é descrita pelo próprio artista como uma “love song”, marca o começo de uma nova fase na carreira de Ferr, que já passou até pelo palco do Rock In Rio nos últimos anos.

“Te Assistir Sorrir”  começou a nascer no caminho de volta de um encontro do músico com IZA, com quem colaborou com os arranjos vocais no show da turnê do disco Dona de Mim. Jonathan conta que cantarolou a melodia até poder gravá-la no celular, para não esquecê-la, mas o desenvolvimento veio só dias depois — agora com a ajuda de seus colaboradores.

Em comunicado de imprensa, o artista conta:

Já era fã do trabalho [do Choice], assim como do niLL, e foi a música que formou nossa amizade. Eu gosto de fazer amigos assim, através dessa conexão musical, que é onde me sinto em casa. ‘Te Assistir Sorrir’ é o fruto dessa união e eu não poderia estar mais orgulhoso.

Como já te contamos acima, “Te Assistir Sorrir” chega nesta sexta-feira (17) e o pré-save da faixa já está disponível. Fique ligado(a), pois o clipe oficial da canção chega no dia 30 de julho.

Confira abaixo um recado de Jonathan ao TMDQA!.

 

Capa do single “Te Assistir Sorrir”

te-assistir-sorrir3
Divulgação

Jonathan Ferr

Em 2019, o pianista estreou com o disco Trilogia do Amor, elogiado por público e crítica, o qual se apresentou com seu quarteto em inúmeros festivais pelo Brasil, em destaque o Rock in Rio.

O músico fala sobre seu trabalho: “Meu trabalho é híbrido, mas eu sou pianista de jazz — na verdade, é justamente isso que me dá liberdade. Poder improvisar, implementar outros elementos, essa é minha pegada. Eu gosto muito de hip-hop, música eletrônica, rock e afins, e é esse tipo de inspiração que trago para a minha música. Faço música para me conectar e estou me reinventando o tempo todo. Me reinvento a partir de lugares que nem estou, mas trago pra mim.”

Para os próximos meses, Jonathan Ferr promete um disco de piano solo, ideia que vem sendo amadurecida nesta quarentena.

Relembre nossa conversa com Ferr durante o Locomotiva Festival por aqui.