Tuyo - Do Lado de Dentro
 

A banda paranaense Tuyo tem feito a alegria da sua base de fãs recentemente.

Isso porque nos últimos dias o trio lançou o primeiro volume do disco Chegamos Sozinhos em Casa e hoje já chegou com a segunda parte.

Nesse segundo volume, Lay, Lio e Machado apresentam feats com nomes como RDD, Lenine, Drik Barbosa, Jonathan Ferr e mais, e voltam a falar sobre aspectos dos mais pessoais das suas vidas.

Tudo isso está envolvido por uma camada instrumental que mescla elementos orgânicos e eletrônicos, e nós conversamos com Lio a respeito do que significa essa segunda parte:

Acredito muito que o que mais determina o espaço entre o volume 1 e o volume 2 é a lírica. Esteticamente, também acredito que representa uma espécie de desdobramento porque ele vai pra um lugar mais upbeat, que meio que a gente prometeu em Vitória Vila Velha e Pra Curar, sinto que a gente fez algumas promessas nesse disco, no volume 1, que se cumprem no volume 2. Com canções um pouco mais upbeats ou tão pra frente quanto, que não necessariamente é uma característica nossa fora dos remixes, isso é uma novidade, nós temos gostado muito da maneira com que as pessoas que acompanham a Tuyo tem recebido essas novas movimentações, acredito que seja porque a gente tem familiarizado o nosso público com novas ferramentas, com outras linguagens de maneira gradual. Ainda somos nós escrevendo, ainda são as nossas formas, mas os temas estão passando por um outro lugar, uma outra esfera desse objeto que a gente tem observado nesse disco.

A cantora ainda falou sobre as motivações para dividir a obra em duas partes:

Eu sinto que ‘Chegamos Sozinhos Em Casa’ é uma obra una, que se divide pra ser mais palatável pra conseguirmos ter tempo pra ouvir e digerir as músicas. Enquanto no volume 1 a gente observa uma esfera da vida adulta, que denuncia que a gente envelheceu ou que o tempo passou por nós, no volume 2 a gente observa uma nova esfera, que está bastante conectada com o ciclo que acontece quando a gente se percebe mais velho ou responsável pelas próprias atitudes.

Acredito que o que a gente recorta no volume 2 é esse retrato cíclico do que acontece quando a gente elabora um plano, se frustra com esse plano e se arrepende de ter feito. Sinto que a gente veio de um infância que romantizou bastante a ideia da vida adulta, a expectativa de se tornar independente dos pais, elaborar suas próprias regras e quando a gente adultece de verdade, fora da projeção, isso se perde, porque encontramos outros obstáculos – nada de novo pra nós que estamos perambulando pelos 30. O disco repete isso nos desdobramentos das faixas, a gente constrói cenários românticos, cenários de elevação, cenários de projeções, de sucesso e a gente entrega relatos em seguida, dos momentos que essas expectativas se frustram.

Novo Clipe da Tuyo

Além disso, temos em primeira mão a estreia do clipe oficial de “Do Lado De Dentro”, faixa que abre o álbum e é uma parceria com RDD.

Ao falar sobre o feat, Lio contou ao TMDQA!:

Sobre o RDD, eu acredito muito que a gente, enquanto artista, compreende os desdobramentos que uma canção pode ganhar quando ela é lançada ou quando ela é concebida. A canção em si tem possibilidades de remixes, tem materiais audiovisuais que podem enriquecer ainda mais o universo que aquela canção habita, mas eu sinto muito que o videoclipe que a gente fez com o RDD é o símbolo máximo e mais primário do disco, que é a gente dentro de casa estabelecendo um território – não dentro de casa no sentido de campanha do distanciamento, se o pessoal entender assim já estamos na vantagem -, mas sinto que é a gente dentro de casa, apontando pra nossa intimidade como a gente sempre faz, estamos sempre entregando as coisas mais particulares nas metáforas. O RDD dentro da nossa casa é muito a gente misturando as nossas linguagens. Sinto que o videoclipe com ele e a música em si, são um convite pra que a gente não se esqueça ou perca o hábito de entregar pro outro o que é valioso. Agora que a gente tá longe um do outro, só tem a internet pra se comunicar, às vezes as coisas vão ficando pequenas, a gente fala só sobre o banal e esquece de revelar o profundo. Não que tudo tenha que ser profundo o tempo inteiro, mas é bom que a gente não atrofie, pra na hora que a gente voltar, a gente tá pronto pra viver as coisas que gente se guardou todo esse tempo. Em resumo, sinto que “Chegamos Sozinhos Em Casa” é uma obra una que observa duas esferas do mesmo objeto, que é a vida adulta, e que a presença do RDD traz um aspecto mais radiante pras nossas observações, que muitas vezes tem um recorte bastante dolorido da realidade.

Você pode assistir ao vídeo logo abaixo após a ficha técnica.

Chegamos Sozinhos em Casa, Vol.2 já está disponível nas plataformas digitais. Você pode ouvir a faixa na playlist TMDQA! Alternativo no Spotify.

Ficha Técnica

TUYO | Chegamos Sozinhos em Casa vol. 02
Direção Musical: Janluska e Tuyo
Produção musical: Lucas Silveira, Janluska, jvck, Machado, Bruno Giorgi, Lucs, RDD
Mixagem: Guigo Berger
Masterização: Red Traxx Mastering (Tichauer)

1 – “Do Lado de Dentro” feat RDD

Produção: RDD
Composição: Lio, Lay Soares, Machado, RDD

2 – “Fracasso” feat Lenine

Produção: Lucs Romero, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

3 – “Saudade Impura”

Produção: Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

4 – “Tem Dias” feat Drik Barbosa

Produção: jvck, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

5 – “Turvo”

Produção: Bruno Giorgi, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

6 – “Hoje eu Quero Chorar”

Produção: Lucs Romero, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

7 – “Chegamos Sozinhos em Casa”

Produção: Bruno Giorgi, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado

8 – “Pouco Espaço” feat Jonathan Ferr, Shuna

Produção: Jonathan Ferr, Shuna, Janluska
Composição: Lio, Lay Soares, Machado, Jonathan Ferr, Shuna