Ouça playlist com clássicos do Rock!  

Shirley Manson no Planeta Terra Festival

Todos os shows que rolaram no Planeta Terra Festival até às 20hs conseguiram reunir uma parcela interessante de público, mas nenhum deles ainda tinha feito as pessoas terem reais dificuldades de movimento para chegar mais perto do palco ou para acompanhar a apresentação, ainda que de longe.

Essa foi uma das funções dadas ao pessoal do Garbage, que começou a apresentação com “Automatic Systematic Habit” que também abre o mais novo álbum da banda Not Your Kind of People. Apesar de ser do novo álbum, todo o público sabia verso por verso da música, e cantou enlouquecidamente com Shirley Manson e companhia.

Sem parar, a banda emendou “I Think I’m Paranoid” seguida do grito de São Paulo, nós conseguimos! da vocalista, que foi aplaudida pelo público.

Garbage no Planeta Terra Festival 2012

Com quase 20 anos na estrada, o Garbage foi a banda que mais empolgou o público do festival até aquele momento, pelo vigor e pela emoção contagiante que a banda exibia em sua apresentação. Shirley Manson, Steve Marker, Butch Vig e Duke Erikson (que entrevistamos por telefone 10 dias antes do festival, veja aqui) sabiam que o público brasileiro os aguardava ansiosamente e pareciam ter preparado cada detalhe para que o primeiro show da banda no país realmente fosse um marco.

Shirley Manson no Planeta Terra

Misturando clássicos da banda com algumas inserções do novo álbum, a banda fazia intervalos para falar com os fãs. Em uma dessas ocasiões, Manson fez a declaração mais apaixonada vinda de uma banda da noite. Visivelmente emocionada, a cantora disse: “Esse show devia ter acontecido há muito tempo. Nós estamos assustados por estar nessa cidade incrível, num país maravilhoso como esse, rodeados de pessoas que nos conhecem tão bem. Também queremos nos desculpar por ter demorado tanto tempo para estar aqui com vocês. Essa noite significa a mesma coisa para nós e para os fãs do Garbage” , finalizou, recebendo muitas palmas em resposta antes de tocar mais uma.

Várias faixas em papel sulfite surpreenderam a banda no palco um pouco depois da apresentação da clássica “Stupid Girl”. Eram vários papéis, que juntos formavam  a frase Go baby, go, go que surgiam de vários lugares próximos à frente do palco. Atendendo aos pedidos, a banda tocou a aclamada “Cherry Lips” em seguida. Outra surpresa, mas dessa vez para o público, foi quando Shirley se aproximou da plateia e pediu uma bandeira do Brasil, que estava entre os fãs mais próximos. A cantora pegou a bandeira e a pendurou em seu pedestal, para delírio de quem aplaudiu e gritou com a atitude.

Shirley Manson com bandeira do Brasil no Planeta Terra Festival

Mais para o fim do show foi a vez de Butch Vig declarar seu carinho pelos fãs tupiniquins. O baterista pegou um microfone, foi para a frente do palco e declarou: “A razão de nós estarmos aqui é o amor dos nossos fãs e o nosso amor por vocês. Vamos celebrar esse momento com vocês. Vamos celebrar!” disse antes de correr para a bateria para a banda tocar aquela que seria a penúltima música da apresentação, “Push It!”. Para finalizar, a escolhida foiOnly Happy When It Rains” cantada em coro por toda a plateia.

  1. Automatic Systematic Habit
  2. I Think I’m Paranoid
  3. Shut Your Mouth
  4. Why Do You Love Me
  5. Queer
  6. Stupid Girl
  7. Hammering In My Head
  8. Control
  9. #1 Crush
  10. Cherry Lips (Go Baby Go!)
  11. Blood for Poppies
  12. Milk
  13. Special
  14. Talk of The Town / I Got To Sleep (covers do The Pretenders)
  15. Push It
  16. Only Happy When It Rains