alessa
Foto: divulgação
 

A banda Alessa, de Presidente Prudente (SP), divulgou o seu primeiro full length, intitulado Horizonte. O disco conta com dez faixas e foi produzido e gravado por Éder Muchiutti, no SoundLane Studios.

O álbum é o sucessor do EP de estreia do grupo, Quando Ela Viu O Céu, e representa uma nova fase da Alessa, após um hiato de quatro anos. Ouça:

banda-fôrra

bandaforra
Foto: Daniel L.

Na sequência de quatro lyric videos, a banda-fôrra, de João Pessoa (PB), lançou os quatro vídeos restantes do projeto. “Apego”, “Trilha Sonora”, “Lâmina” e “Preguiçar” são faixas que integram o disco de estreia da banda, Trilha, que saiu no início deste ano.

Os novos vídeos utilizam a dança como recurso poético para narrar a letra de cada canção, valorizando ambientes como a sala de casa, um canteiro de obras ou um simples quintal. Confira:

Caburé Canela

caburá canela
Foto: Stephanie Dias Massarelli

A banda Caburé Canela, de Londrina (PR), lançou o seu primeiro disco, chamado Cabra Cega e composto por sete faixas. O trabalho foi produzido de forma independente através de um financiamento coletivo.

O grupo possui influências de diversos ritmos populares, como baião, samba, bossa nova, rock, blues, afro-beat, semba de Angola e rumba. Os integrantes contam ter dificuldade em nomear o estilo do som da banda. “Trabalhamos com uma combinação musical que é difícil de ser enquadrado nas categorias tradicionais da música brasileira. Brincamos que é tipo Punk-samba, Reggae-jazz, África-Schoenberg, Macumba-Erudita…”, explicam. Ouça:

The Galo Power

the galo power
Foto: divulgação

A banda goiana The Galo Power disponibilizou seu novo disco, Bote, o quarto álbum do grupo. Com seis músicas, Bote se diferencia dos trabalhos anteriores, com a maioria das músicas em português e algumas trilhas instrumentais regadas ao experimentalismo.

O disco foi quase todo gravado em Brasília, na Sala Fumarte, pelos irmãos Bruno e Breno Prieto. A exceção é “Casa do Medo”, gravada em Goiânia no AMP Stúdio, por Douglas Ramirez. A música é uma versão que a banda fez para “House of Fear“, do Ngozi Family, da Zâmbia. Ouça: