Lizzo desabafa sobre ataques gordofóbicos e diz que está perto de
Reprodução/Instagram

A gente te contou aqui a respeito das acusações de assédio sexual e más condições de trabalho que Lizzo recebeu de ex-funcionários.

Para se defender, a cantora finalmente se pronunciou e compartilhou em suas redes sociais um longo texto em que chamou o relato de seus acusadores de “histórias sensacionalistas”. Na mensagem, Lizzo destacou que não queria se colocar no lugar de vítima, mas que, ao mesmo tempo, refuta a posição de vilã (via Consequence):

Estes últimos dias foram terrivelmente difíceis e extremamente decepcionantes. Minhas éticas de trabalho, moral e respeito foram questionadas. Meu caráter foi criticado. Normalmente, escolho não responder a falsas alegações, mas elas são tão inacreditáveis ​​quanto parecem e ultrajantes demais para não serem abordadas.

Essas histórias sensacionalistas vêm de ex-funcionários que já admitiram publicamente que foram informados de que seu comportamento na turnê era inapropriado e pouco profissional. Não estou aqui para ser vista como uma vítima, mas também sei que não sou a vilã que as pessoas e a mídia me retrataram nos últimos dias. Sou muito aberta com minha sexualidade e com minha expressão, mas não posso aceitar ou permitir que as pessoas usem essa abertura para me fazer parecer algo que não sou.

Não há nada que eu leve mais a sério do que o respeito que merecemos como mulheres no mundo. Eu sei como é sentir vergonha do corpo diariamente e absolutamente nunca criticaria ou demitiria um funcionário por causa de seu peso.

Na sequência, Lizzo ressaltou que não deixará que as acusações afetem o brilho de sua trajetória profissional e agradeceu a todos que vêm lhe apoiando nesse momento turbulento:

Como artista, sempre fui muito apaixonada pelo que faço. Eu levo minha música e minhas apresentações a sério porque, no final das contas, só quero lançar a melhor arte que represente a mim e aos meus fãs. Com a paixão vem o trabalho duro e os altos padrões.

Às vezes tenho que tomar decisões difíceis, mas nunca é minha intenção fazer alguém se sentir desconfortável ou como se não fosse valorizado como uma parte importante da equipe. Estou ferida, mas não deixarei que o bom trabalho que fiz no mundo seja ofuscado por isso. Quero agradecer a todos que estenderam a mão para me apoiar durante esse período difícil.

Convenceu? Confira a publicação de Lizzo ao final da matéria!

Ex-funcionários processam Lizzo por assédio sexual

A declaração de Lizzo foi emitida em resposta a um amplo processo movido contra ela e sua empresa de turismo na última terça-feira (1).

Na ação judicial, Arianna Davis, Crystal Williams e Noelle Rodriguez afirmaram que a artista criou condições de trabalho hostis e supostamente até as pressionou a assistir a um show de sexo no Red Light District de Amsterdã com direito a toques obscenos.

Aliás, uma diretora que já trabalhou com Lizzo confirmou que ela teria tido uma conduta inapropriada e você pode saber mais neste link.

LEIA TAMBÉM: Lizzo diz que não entende ódio contra o Nickelback e ganha convite especial da banda

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! BRASIL

Música brasileira de primeira: MPB, Indie, Rock Nacional, Rap e mais: o melhor das bandas e artistas brasileiros na Playlist TMDQA! Brasil para você ouvir e conhecer agora mesmo. Siga o TMDQA! no Spotify!