Eddie Van Halen
Reprodução/Twitter
 

Como você já deve ter visto, o lendário Eddie Van Halen nos deixou há cerca de um mês, em Outubro de 2020.

Em uma nova entrevista, o filho do guitarrista, Wolfgang Van Halen, finalmente se pronunciou sobre tudo que envolve o pai ao conversar com Howard Stern em seu programa de rádio.

Por lá, ele explicou como foi o diagnóstico de que o pai teria um câncer de pulmão — que acabou o levando — e o tratamento na Alemanha, além de outras coisas como, por exemplo, um tumor no cérebro que foi descoberto depois de um acidente de moto em 2019 (via BrooklynVegan):

No fim de 2017, [o Eddie] foi diagnosticado com câncer no pulmão estágio quatro. E os médicos ficaram tipo, ‘Você tem seis semanas.’ Não sei o que caralhos eles fizeram lá [na Alemanha], mas é incrível porque eu tive mais três anos com ele. [Depois disso], as merdas foram se acumulando e se acumulando. Nunca acabava.

Wolfgang também admitiu que uma reunião da banda estava sendo planejada e contaria com Michael Anthony e vocalistas que passaram pelo grupo — David Lee Roth, Sammy Hagar e até Gary Cherone — mas os planos tiveram de ser cancelados por conta da saúde de Eddie, já que “as coisas começaram a ficar bem ruins no começo de 2019”.

Por fim, ele garantiu que há uma “cacetada de fitas” de material inédito do Van Halen, mas “não vai ser no futuro próximo” que elas serão analisadas e possivelmente lançadas. Ainda assim, Wolfgang diz que “haverá um tempo” em que isso será feito. Nos resta aguardar e respeitar o momento de luto!

Wolfgang Van Halen

Vale lembrar que, em meio a esse momento tão difícil, Wolfgang aproveitou para canalizar suas emoções na sensacional “Distance”, que foi escrita justamente quando ele soube dos diagnósticos do pai e começou a imaginar a vida sem Eddie.

Você pode ouvir o resultado disso por aqui e, abaixo, conferir alguns trechos do papo entre Wolfgang e Stern.

LEIA TAMBÉM: Raridade: em 1975, Van Halen tocou Deep Purple, ZZ Top e mais na escola