Gabriel O Pensador
Crédito: PH Stelzer

O cantor Gabriel O Pensador lançou nas plataformas de streaming o clipe para a faixa “Vamo Aí”, que traz as participações especiais da banda Ponto de Equilíbrio e da rapper Gabz.

O video dirigido por PH Stelzer (Ganja Filmes) mostra cenas gravadas na Ilha da Gigoia, na Barra da Tijuca (RJ), e também takes registrados em estúdio, além de imagens de protestos contra o racismo e de manifestações históricas a favor da democracia.

A canção foi composta por Gabriel em parceria com o percussionista Thiago Mocotó e com o guitarrista da sua turnê, Udi Fagundes.

“Essa música fala sobre opressão em vários sentidos. É uma maneira de pensar na morte, na violência e refletir sobre a vida. E cobrar de todos mais de atitude, mais consciência. Na letra a gente fala: ‘O Oscar da covardia vai para quem vira as costas e silencia nossa ferida exposta do dia-a-dia, essa é a nossa resposta para hipocrisia’. É um chamamento para todos que estão aí, de uma forma ou de outra, se acostumando com as atrocidades que a gente vê,” afirma Gabriel.

BAKA

BAKA
foto: Fefê Villaça

O produtor musical e cantor BAKA liberou nas plataformas digitais o álbum FRAGA, que apresenta sete faixas misturando beats eletrônicos, soul, reggae, funk carioca e techno.

Entre o pop e o experimental, o disco sintetiza a familiaridade do artista com a neoMPB em
um espaço mais livre para criar.

“‘FRAGA’ é um resumo da coleção das minhas referências. Um tom de liberdade e descontração inunda as temáticas frescas do albúm. Em degradê, as tracks ganham complexidade sem perder leveza. Isolamento social, amores digitais, liberdade, sexo e política são tópicos marcantes nas canções, e evidenciam sua multifacetada personalidade: melancólica, nerd, inquieta e positiva,” define BAKA, que já assinou como produtor lançamentos de Aila, Luisa e os Alquimistas e Gaby Amarantos.

André Prando

André Prando
foto: reprodução

O cantor André Prando divulgou nas plataformas de música seu quarto disco de estúdio, o EP Calmas Canções do Apocalipse. O compacto tem três faixas e conta com a participação especial de Rick Ferreira, que gravou diretamente de sua casa a guitarra e pedal steel na primeira música.

“Foi um trabalho pensado e produzido durante a quarentena, abraçando as condições do isolamento social. São duas composições (uma em parceria com Luiz Gabriel Lopes e outra em parceria com a banda Biltre) e uma releitura de Belchior, a atualíssima ‘Clamor no Deserto’,” conta André.

Mariana Bandarra e Fu_k The Zeitgeist

Os artistas gaúchos Fu_k The Zeitgeist e Mariana Bandarra lançaram no YouTube uma versão em inglês do hit “Deu onda”, do funkeiro MC G15.

No vídeo, dirigido por Carlos Salles, quem aparece em cena é a drag queen Alma Negrot, que divide as atenções com Aisha Mbikila, modelo e atriz que personifica o conceito de “Black Girl Magic” (“Magia da Garota Negra, em português).

“O clipe, lançado durante a pandemia em meio a protestos antirracistas, celebra a liberdade de expressão da sexualidade e dos corpos, transbordando com uma feminilidade queer e feroz, que ao mesmo tempo emula e transgride a imagem das divas pop que nos habituamos a fetichizar e consumir”, afirmam os criadores.

The Mönic

The Mönic
foto: Marcelle Stavale

A The Mönic aproveitou a quarentena para liberar uma versão acústica da música “Aquela Mina” em formato de clipe. O lançamento é mais um dos quatro que o grupo paulistano gravou durante o isolamento social.

“São poucas as bandas de rock — e até mesmo fora dele — que falam de relacionamento entre duas mulheres, um som feito de uma ‘mina’ para outra. Assim nasceu esse punk rock que fala de amor lésbico, e amor em geral, de forma leve e divertida”, explica o baixista Joan Bedin, compositor da faixa.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!