Glastonbury 2019
Foto Stock via Shutterstock
 

Poucos dias após anunciar seu line-up, o festival de Glastonbury revelou que não irá mais acontecer em 2020.

A edição de aniversário de 50 anos do icônico evento britânico só rolaria em Junho, mas o governo local endureceu as orientações para evitar o contágio do Coronavírus e, assim, não seria possível montar a gigantesca estrutura do local a tempo.

Em um comunicado oficial, Michael e Emily Eavis, responsáveis pelo Glastonbury, disseram:

Sentimos muito por termos que anunciar isso mas o Glastonbury 2020 terá que ser cancelado e esse será um ano de ausência forçada para o Festival.

Claramente não era assim que gostaríamos que as coisas para o nosso evento de aniversário de 50 anos seguissem, mas após as novas medidas do governo anunciadas essa semana – e em tempos de incerteza inédita – essa é a nossa única opção viável.

Esperamos muito que a situação no Reino Unido tenha melhorado de maneira drástica ao final de Junho. Mas mesmo se tiver, não temos mais como passar os próximos três meses com milhares de pessoas na equipe aqui e na fazenda, nos ajudando com o gigantesco trabalho de construir a infraestrutura e atrações necessárias para receber mais de 200 mil pessoas para uma cidade temporária nesses campos.

Gostaríamos de enviar nossas sinceras desculpas para as 135 mil pessoas que já haviam feito um depósito para o ingresso do Glastonbury 2020. Os pagamentos desses ingressos estavam previstos para o começo de Abril e queríamos tomar uma decisão firme antes disso.

Com uma rica história, o festival é um dos mais importantes no mundo todo e recebe cerca de 200 mil pessoas nos dias em que é realizado.

LEIA TAMBÉM: Michael Eavis e a história do fazendeiro que fundou um dos maiores festivais do mundo

Cancelamento do Glastonbury e Impacto na Indústria

A declaração ainda fala sobre como os ingressos desse ano serão válidos para 2021 e também haverá opções de reembolso.

Outro ponto abordado é sobre como trabalhadores relacionados ao evento serão duramente afetados pelo fato de que ele não irá acontecer:

O cancelamento do Festival desse ano irá significar um terrível impacto para a nossa equipe incrível e para os voluntários que trabalham tão duro para fazer com que esse evento aconteça. Também haverá implicações financeiras severas e inevitáveis como resultado desse cancelamento – não apenas para nós, como para os parceiros de caridade do Festival, fornecedores, comerciantes, donos de terrenos locais e a nossa comunidade.

Estávamos ansiosos para recebê-los todos em nosso aniversário de 50 anos com um line-up cheio de artistas fantásticos e performers que contratamos com muito orgulho. Novamente, pedimos desculpas pela decisão que foi feita. Não foi através de escolha. Mas estamos ansiosos para recebê-los de volta nesses campos o ano que vem e até lá, mandamos nosso amor e apoio a todos vocês.

LEIA TAMBÉM: Glastonbury 2020 anuncia line-up inicial com 52% de mulheres

 
 
Compartilhar