Criolo cantando
 

No ano passado o produtor Cássio Pardini e o diretor Pedro Serrano faziam o documentário Dá Licença de Contar, pra celebrar cem anos do samba, quando se depararam com um tesouro.

Os caras encontraram nada menos que algumas dezenas de letras inéditas de Adoniran Barbosa que estavam no arquivo da Rádio Eldorado.

Aí eles chamaram o músico Lucas Mayer pra dar um jeito naquele material todo. Ele, por sua vez, convidou artistas gigantes do cenário atual pra colaborar: Criolo, Ney Matogrosso, Liniker e Fernanda Takai, entre outros.

E foi Criolo, paulistano como Adoniran, o responsável por estrelar o primeiro clipe do disco Se Assoprar, Posso Acender de Novo. O álbum tem 13 faixas inéditas do grande compositor de “Trem das Onze” e “Samba do Arnesto”.

A música que o rapper canta se chama “Até Amanhã”, e você pode assistir ao vídeo aqui, na página do UOL, que obteve o clipe com exclusividade.

Se Assoprar, Posso Acender de Novo

O trabalho, com título bastante sugestivo pra um disco póstumo, foi feito todo em São Paulo com produção executiva de Cassiano Derenji e lançado pela Gravadora Eldorado.

Ele está disponível pra audição no YouTube (abaixo) e no Spotify, e também chegou esta semana às lojas de discos de todo o Brasil, acompanhado de um DVD.

Em parceria com Maria Helena, filha de Adoniran, os produtores do projeto também criaram o site adoniranbarbosa.com.br, uma espécie de “museu virtual” do sambista, que tem também os discos antigos dele.