Geração Z é a que mais usa shows e festivais como desculpa para não ir ao trabalho

Quem nunca faltou ao trabalho para ver um show? A Geração Z é a mais propensa a fazer isso, conforme mostrou uma pesquisa recente.

Show, festival de música, foto stock
Foto stock via Shutterstock

Sabe aquela noite que você saiu mais cedo do trabalho pra assistir a um show, ou quando “enforcou” um diazinho pra curtir um festival? Não precisa esconder, todo mundo já esteve lá… especialmente se você for da Geração Z.

Segundo uma pesquisa conduzida pelo site de revenda de ingressos Viagogo (via NME), pessoas nascidas entre 1997 e 2012 (a Gen Z) têm duas vezes mais inclinação a largar o trabalho para assistir às suas bandas favoritas, em comparação aos Millennials.

A “geração do milênio”, por sua vez, é aquela que nasceu entre 1981 e 1996, e apenas 8% dos entrevistados dessa faixa etária fariam isso, contra 19% dos Gen Z.

O levantamento, conduzido com 2 mil pessoas do Reino Unido em julho, ainda mostrou que 61% das pessoas da Geração Z já assistiram a mais de 25 shows na vida, e 43% largariam a bebida por 6 meses para ver seu artista preferido na primeira fila. Eita!

Geração Z e os celulares em shows

Com relação ao uso de redes sociais em shows, algo que costuma estar associado à Gen Z, o estudo mostrou que eles realmente são o que mais compartilham imagens na internet, mas 84% dos entrevistados da Geração Z disseram que desligariam o telefone para curtir sua música favorita ao vivo.

Entre outros destaques, o levantamento revelou que praticamente um a cada cinco frequentadores de shows no Reino Unido consideram o primeiro show mais memorável do que perder a virgindade e têm mais memórias da primeira apresentação ao vivo do que de quando conseguiu o primeiro emprego.

Embora 22% dos entrevistados tenham dito que uma passagem para uma viagem seja o melhor presente a se ganhar, os ingressos para shows ficaram em segundo lugar, com 15%.

LEIA TAMBÉM: Ghost não deve proibir celulares em shows no Brasil; entenda