2STRANGE
Crédito: Nicolas J. Ceva
 

A dupla 2STRANGE, formada por Dani Boy e Bobby Banks, se juntou ao Sotam para lançar o single “Para de Ligar”, que chega acompanhado de um clipe liberado no YouTube.

A música segue as tendências do Trap brasileiro e a letra fala sobre os efeitos da notoriedade e as pessoas que buscam se aproximar apenas por interesse.

Com influências do Jazz e do Flow combinado com uma levada gringa, a faixa tem a assinatura da Sony Music.

Anteriormente, o 2STRANGE havia divulgado “Baiana” com Alok, “Devotion” com Pontifexx, “Quantas vezes” com MZ (1Kilo), “Seu Olhar” com Lourena e Papatinho e “Kings & Queens” com Coppola e Gui Boratto.

We Are The Cosmos

We Are The Cosmos
Crédito: divulgação

A banda We Are The Cosmos surfou na onda do Pop Punk no single “Thrill”, que chega acompanhado de um clipe liberado nas plataformas de streaming.

A letra foi escrita pela vocalista Bruna Zarth e narra uma desilusão amorosa. Este é o último lançamento antes da chegada do álbum D.O.P.E, que deve estrear até o final de 2021.

Em Março deste ano, o grupo, também formado por André Kehl (guitarra), Deivis Kappes (guitarra/vocal) e Lukas Bortot (baixo), divulgou a canção “Shark”.

Marília Landi

Marília Landi
foto: divulgação

A cantora e compositora Marília Landi disponibilizou o clipe feito para a música “Dreamer”, presente no álbum Barco (2020).

O vídeo foi dirigido por Gary Gananian e traz algumas referências do filme Melancolia, de Lars Von Trier. As imagens, registradas nas montanhas de São Bento do Sapucaí, em São Paulo, também mostram cenas de dança da bailarina Flora Barros.

“Ela dança um pouco meus sentimentos e sensações enquanto eu fico em contato com a natureza e a água vivendo essas emoções,” explica Marília, que assina a produção de figurino do clipe.

Composta e interpretada em inglês, a faixa tem uma harmonia simples com levada de Bossa Nova.

“Ela fala de um lugar de um amor vivido, prestes a acabar e isso gera lembranças e projeções que se misturam entre o que foi e o que poderia ter sido, por isso o elemento onírico,” conta a artista.