Lars Ulrich diz que Motörhead uniu todas as tribos
Fotos via Wikimedia Commons

Se Dinho Ouro Preto dizia que faltava uma banda como foi o “Norvana” para “unir todas as tribos”, Lars Ulrich acha que existiu um outro grupo bem antes de Kurt Cobain e companhia que realizou esse feito.

Trata-se do Motörhead, de quem Ulrich é tão fã que chegou até a ser presidente do fã clube oficial nos EUA há algum tempo. Na nova edição da revista Classic Rock, o baterista do Metallica afirmou:

Havia uma honestidade no Motörhead e era transparente pra caralho. Os jovens da minha geração, a gente amava o Led Zeppelin, amávamos o KISS, amávamos todas essas bandas diferentes, mas eles eram notoriamente extravagantes — com o KISS, tipo figuras de um desenho. Mas o Motörhead eram os caras da casa ao lado, os caras do barzinho. O Motörhead era os nossos amigos. O Motörhead era quem nós éramos.

A publicação está justamente celebrando os 40 anos do icônico disco Ace of Spades e, por isso, chamou Ulrich para falar. Ele ainda explica que a diferença do Motörhead em relação às outras bandas era justamente o fato de eles “unirem as pessoas de todos os gêneros diferentes”:

A coisa que era diferente no Motörhead era que eles uniram as pessoas de todos esses gêneros diferentes. Lá em 1980, o mundo da música era muito mais segregado do que é agora. Então se você era um cara do Heavy Metal havia um jeito particular de se vestir, um uniforme. Se você era um garoto Punk era a mesma coisa, ou um jovem Alternativo, se você curtia o Joy Division ou qualquer coisa do tipo. Tudo era muito segregado, especialmente na Inglaterra.

Então todos esses jovens Punks, Skinheads, Alternativos e jovens do Metal… porra, todo mundo amava o Motörhead. Em um tempo de divisão e segregação e ‘Vá se foder, você não pode ser da minha gangue’ e ‘Eu não quero ser da sua gangue’ e ‘Nós vamos bater uns nos outros, tipo torcedores fanáticos de futebol’, o Motörhead foi a primeira banda a realmente unir os fãs através de todos esses gêneros diferentes. Eles destruíram toda essa divisão. É um pedaço importante para relembrar na história do Motörhead.

Então parece que o Motörhead foi o verdadeiro Norvana!

LEIA TAMBÉM: Lars Ulrich relembra o dia em que trabalhou como iluminador do Oasis

 
Compartilhar