Elton John - comercial
Foto: Reprodução/YouTube
 

A ex-esposa de Elton John, Renate Blauel, está processando o artista por ter sido citada em sua biografia, Me, lançada no ano passado.

Os dois foram casados de 1984 a 1988 e se divorciaram quando Elton disse publicamente que era gay. No livro, ele escreveu que na época o divórcio ocorreu de forma pacífica.

Agora, porém, Renate está pedindo uma indenização de cerca de $3,2 milhões de euros, o que ultrapassa os 19 milhões de reais. Ela alega que o acordo dos dois na década de 80 era de não ser lembrada publicamente.

Segundo Renate, ver seu nome na obra de Elton John em 2019 lhe trouxe de volta alguns problemas mentais que ela havia enfrentado antes.

Elton John

Em Me, na parte sobre seu casamento de quatro anos com a engenheira de som alemã, Elton John lamenta por ter machucado a ex-esposa, que lhe amava “incondicionalmente”.

Ele também afirma que durante anos a imprensa sempre tentou colher depoimentos de Renate na intenção de conseguir algo bombástico e com rancor, mas que nunca conseguiu.

O músico também revelou que alguns anos depois convidou a ex-esposa para conhecer seus filhos, mas que ela declinou a visita.

 
Compartilhar