Steven Tyler, do Aerosmith
 

O cantor Steven Tyler, conhecido pelo seu trabalho como frontman do Aerosmith, acaba de inaugurar um abrigo para mulheres vítimas de abuso, como aponta a CNN.

A Janie’s House é localizada perto da cidade de Atlanta, nos Estados Unidos. O projeto é uma espécie de extensão da Janie’s Fund, uma organização criada em 2015 cujo objetivo é auxiliar garotas em situação de risco.

Ao conversar com a CNN, Tyler entrou em detalhes sobre suas motivações em relação ao projeto:

Quando eu estive em uma clínica de reabilitação, eu descobri que a maioria das mulheres que estavam lá haviam sido agredidas fisicamente e abusadas verbalmente. Tipo, 7 em cada 10 mulheres, ou 8 em cada 10 mulheres.

Tyler possui um passado um pouco problemático em relação a essa questão. Quando tinha 27 anos de idade, Steven se envolveu com uma jovem de 16 anos, que acabou engravidando do músico.

No entanto, o cantor a pressionou a realizar um aborto, de acordo com um relato da própria vítima em 2011. Por sua vez, o músico afirmou em sua autobiografia que a decisão foi consensual, mas revelou que a experiência acabou o aproximando das drogas e do álcool.

Anos depois, após sair de uma clínica de reabilitação, o músico utilizou o tema de abuso sexual de menores como base para a canção “Janie’s Got a Gun”, um dos maiores sucessos do Aerosmith.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar