Lily Allen
Foto via Shutterstock
 

A cantora e compositora britânica, Lily Allen, anunciou o lançamento de um livro de memórias, uma espécie de autobiografia, para o próximo ano.

O projeto que já começou a ser desenvolvido abordará temas que vão desde a infância de Allen até os altos e baixos de sua carreira, incluindo a batalha da cantora contra a dependência química.

Além destes, fatos sobre o trágico aborto que Lily Allen sofreu em 2010 também serão registrados. A artista, que ficou fora dos palcos por três anos, admitiu à Rolling Stone que “alguns momentos serão chocantes e desconfortáveis” para os leitores.

Acho que algumas partes serão desconfortáveis, chocantes e brutais. Mas claro que haverá bons momentos, coisas boas também. Eu vou tentar fazer isso de um jeito leve. Eu sei que isso é sobre mim, mas espero que tudo soe verdadeiro para quem estiver lendo. Não será escrito com vergonha. Será verdadeiro.

O livro que tem previsão de lançamento para o segundo semestre de 2018, será lançado pela Bonnier Publishing, a mesma editora responsável pelo lançamento da autobiografia de Roger Daltrey, vocalista do The Who.

   
 
Compartilhar