Lily Allen Cultura Inglesa Fest-4
Foto: Stephanie Hahne

Filha do ator Keith Allen e da produtora de cinema Alison Owen, a cantora britânica Lily Allen provavelmente não teve grandes dificuldades para se destacar no showbusiness.

Apesar disso, como muitos artistas que vieram de famílias famosas na indústria do entretenimento, Lily deve ter lidado com as cobranças desde muito cedo e parece que ela anda sem paciência para o assunto, que se tornou polêmica após virar capa da revista New York.

Nesta semana, Allen postou uma série de tuítes para defender os “nepo-babies” – em referência ao nepotismo – e acusou a mídia de causar “trauma infantil” devido a sua hostilidade em relação aos pais que batalham por suas posições (via Variety):

Os nepo-babies com os quais vocês deveriam se preocupar são os que trabalham para escritórios de advocacia, os que trabalham para bancos e os que trabalham na política, se estamos falando sobre as consequências do mundo real e o roubo de oportunidades das pessoas. MAS isso não é da minha conta.

Em resposta ao seu próprio comentário, ela acrescentou:

E antes que você venha até mim por ser uma nepo-baby, serei a primeira a dizer que literalmente não mereço nada.

Ficou brava! Confira as publicações ao final da matéria.

Lily Allen participou de dois filmes produzidos pela sua mãe

É claro que as postagens de Lily provocaram reações potentes em muitas pessoas e alguns usuários do Twitter fizeram piadas com as reclamações, deixando claro que é possível reclamar de tudo ao mesmo tempo — “podemos fazer multitasking“, escreveu um perfil, que foi respondido pela cantora com um simples “justo”.

Outras contas da rede social aproveitaram para lembrar que Allen apareceu em dois dos filmes produzidos por sua mãe.

Um deles foi Elizabeth (2000), estrelado por Cate Blanchett e dirigido por Shekhar Kapur. No longa que conta a vida da monarca que faleceu em Setembro passado aos 96 anos, Lily interpretou uma dama de companhia da protagonista.

Em 2019, a cantora fez parte do elenco de Como Se Tornar Influente, comédia cujo papel principal foi vivido pela atriz Beanie Feldstein. Inclusive, de acordo com o IMDb, as primeiras aparições de Allen na tela remontam a sua infância, quando conseguiu pequenos personagens em projetos estrelados por seu pai, incluindo o programa de TV The Comic Strip Presents….

Problemático?

LEIA TAMBÉM: Em 2006, Lily Allen lançava “Alfie” e criticava preguiça do irmão “maconheiro” anos antes dele virar astro de Game Of Thrones

I WANNA BE TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e Rock Alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!