Logotipo do Rock In Rio

Meses antes de dar início ao Rock in Rio 2022, o CEO do evento, Luis Justo, afirmou que o festival não irá proibir artistas de se posicionarem politicamente durante suas apresentações.

Em entrevista à Folha de S.Paulo (via Rolling Stone), Justo compartilhou que o festival deve se manter isento de posicionamentos políticos mas não pretende impedir ninguém de se manifestar. Ele declarou:

Nossa forma de fazer política é através do exemplo, da sustentabilidade. Não vamos impedir que, num ambiente democrático, as pessoas se posicionem, elas têm liberdade de se expressar.

A informação chega depois que o Ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Raul Araújo, proibiu manifestações políticas no Lollapalooza 2022, que aconteceu em Março, após artistas como Pabllo Vittar, Djonga, Marina e outros se posicionarem contra o presidente Jair Bolsonaro durante o festival.

Vale lembrar que a liminar, que determinava uma multa de R$50 mil para o evento caso a ordem não fosse cumprida, foi revogada após o fim do evento pelo próprio ministro, que alegou ter sido induzido ao erro por membros do partido de Bolsonaro. Te contamos mais detalhes aqui.

Rock in Rio 2022

A próxima edição do Rock in Rio começa exatamente um mês antes das eleições deste ano, que estão agendadas para o dia 2 de Outubro.

O evento, que irá receber shows de nomes como Iron Maiden, Guns N’ Roses, Dua Lipa, Green Day, Avril Lavigne, Living Colour, Coldplay, Justin Bieber e muito mais, será realizado nos dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de Setembro de 2022 na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro.

NOTÍCIAS MAIS QUENTES no RESUMO DA SEMANA

Fique por dentro das notícias mais quentes do mundo da música, bem como dos lançamentos nacionais, ouvindo o Resumo da Semana, programa do Podcast Tenho Mais Discos Que Amigos!