Sean Penn
Foto via Wikimedia Commons
 

Sean Penn tem se mostrado um ferrenho defensor da vacina.

Não bastasse algumas semanas atrás ter orientado seus fãs a não frequentarem as salas de cinema até que se vacinassem contra a COVID, o astro de 61 anos agora afirmou que a imunização deveria ser “obrigatória” — como já acontece em qualquer filme que tenha seu envolvimento.

Ao ser entrevistado pelo jornalista da CNN Michael Smerconish sobre sua nova obra, Flag Day, Sean reforçou suas convicções e disse que somente com a vacinação poderemos seguir adiante, citando ainda aprendizados com situações como a de George Floyd (via NME):

Eu acredito que [a vacinação] deveria ser obrigatória, assim como acender as luzes do farol em seu carro à noite.

Se nós vamos continuar com as coisas dando certo — se nós vamos aprender algo com as grandes lições que foram aprendidas no ano passado, alguns dos movimentos extraordinários, George Floyd e tudo o que tem acontecido na sociedade — se nós vamos aproveitar o lado bom de tudo isso e seguir em frente, nós vamos fazer independentemente. E eu acredito que a vacinação seja o começo disso. Abrir mão disso é uma grande ameaça para o negócio agora, para nosso estilo de vida, para a vida aqui e ao redor do mundo.

Durante a première de Flag Day no início do mês, o ator e diretor do longa fez questão que os convidados usassem máscaras para a sessão e também apresentassem comprovação de vacinação na entrada.

Sean Penn se recusou a retornar ao set da série Gaslit

Semanas antes disso, Penn chamou a atenção da mídia ao se recusar a voltar para o set da série Gaslit até que todas as pessoas envolvidas na produção estivessem vacinadas — não somente o elenco, como vinha sendo de praxe.

A condição imposta pelo astro surgiu em função do aumento no número de casos de COVID-19 na Califórnia em decorrência da variante Delta, altamente contagiosa.

Recentemente, o estúdio de Gaslit, a NBCUniversal, informou que as vacinações são obrigatórias para os integrantes da “ZONA A” da série, que constitui os atores e aqueles que estão mais próximos do set de filmagem.

A NBCUniversal conta com uma clínica de vacinação no local, mesmo com a imunização ainda não sendo obrigatória para funcionários das outras zonas.

Gaslit, também estrelada por Julia Roberts, deve ir ao ar até o final de 2021. Já Flag Day foi lançado nos Estados Unidos no último dia 20 e ainda traz no elenco o filho de Sean, Dylan Penn, e uma trilha sonora que inclui Eddie Vedder cantando R.E.M..