Perry Farrell
Foto: Wikimedia Commons
 

Entrevistado para a nova edição da revista Classic Rock, o vocalista do Jane’s Addiction, Perry Farrell, disse que sua banda tem sido a mais subestimada da história.

Segundo a Loudersound, o frontman — que também é fundador do Lollapalooza — deu tal declaração quando a publicação lhe perguntou qual seria o grupo que poderia ser colocado nesta posição, explicando por que acredita nisso:

Foi porque eu era louco e acabei com a banda em seu melhor momento. Eu estava vivendo instintivamente e só queria me afastar daqueles caras naquela época. Só queria fazer minhas próprias coisas. [Farrell também lista sua banda pós-Jane, Porno For Pyros, como subestimada]. Mas foi um projeto incrível e talvez não tivesse sido melhor. Hoje em dia olho ao redor e penso: ‘Droga, eu deveria ter sido mais produtivo nessa área’.

Melhor disco do Jane’s Addiction

Na mesma entrevista, Perry Farrell classifica o terceiro álbum do Jane’s Addiction, Ritual do lo Habitual (1990), como o “melhor disco que ele já fez”.

O grupo, que também conta com Dave Navarro, tem na carreira outros três trabalhos de estúdio: Nothing’s Shocking (1988), Strays (2003) e The Great Escape Artist (2011).

LEIA MAIS: Perry Farrell diz estar “chateado com seres humanos que são contra a vacina”