Slipknot em 1999
 

O aclamado disco Iowa, do Slipknot, completa 20 anos em Agosto e nada melhor do que uma retrospectiva para relembrar algumas situações vividas pela banda.

Para celebrar o marco, a revista Metal Hammer preparou um especial com o grupo que irá estrelar sua próxima edição.

Em uma parte da conversa com o percussionista Shawn “Clown” Crahan e o vocalista Corey Taylor, os artistas revelaram ao público que os integrantes do Slipknot não estavam em um clima muito bom durante a gravação do seu segundo álbum (via Metal Sucks). Clown declarou:

Quando fizemos ‘Iowa’, nós nos odiávamos. Nós odiávamos o mundo. O mundo nos odiava.

Taylor acrescentou:

Estávamos todos em conflito um com o outro. Não sei se foi ciúme ou se foi apenas insegurança. [Eu pensava] ‘Será que estou fazendo por merecer? Esta pessoa está recebendo mais atenção do que eu?’ [A situação] estava muito sombria e realmente cuspiu na cara de tudo que a banda tentou realizar no primeiro álbum.

Tensão no Slipknot na produção de Iowa

Os músicos estavam em estúdio após o sucesso do seu disco de estreia, auto-intitulado, lançado em 1999.

Focados em mostrar em seu novo trabalho que não pretendiam seguir um padrão esperado pela indústria da música, a tensão entre os integrantes acabou ficando um pouco mais alta durante as gravações e, sobre isso, Clown explicou:

Foi uma reação negativa ao nosso sonho. Passamos 18 meses naquele primeiro ciclo fazendo todas essas entrevistas, agentes, gerentes… era tudo performance.

Quando chegamos ao segundo álbum, as pessoas precisavam ser reprimidas e entender seu lugar e que sua opinião não importava tanto quanto pensavam. Só porque fomos a primeira banda [a ganhar disco] de platina na [gravadora] Roadrunner não dá a todos a capacidade de começar a aconselhar. Quando estávamos em casa para respirar, ficou claro que [o segundo álbum] seria perturbador e seria transmitido à força para o mundo.

Além de entrevistas, o especial sobre o Iowa também conta com a explicação de Corey Taylor sobre cada faixa do icônico disco. Veja aqui.

LEIA TAMBÉM: “Doloroso e obscuro”: Slipknot compara novo disco com o clássico “Iowa”

 
Compartilhar