Kobe Bryant
 

Muitos não sabem, mas em 1999 a saudosa lenda da NBA Kobe Bryant passou três semanas trabalhando suas habilidades no Rap para gravar um disco de Hip Hop intitulado Visions.

O álbum do “Black Mamba” nunca foi lançado oficialmente e algumas canções foram disponibilizadas ao longo dos anos na internet, como “K.O.B.E.”, que conta com a participação especial de Tyra Banks.

Outra música que foi parar na web mesmo sem autorização foi “Thug Poet”, que traz a parceria de Kobe com os rappers Nas, 50 Cent e Broady Boy.

Nesta quinta-feira, (13), mais de duas décadas depois da gravação, o álbum, assim como sua tracklist, vazou no Twitter a partir de uma postagem do perfil voltado para o universo do Rap On Thin Ice.

Além dos nomes já citados, Vision traria colaborações com outros nomes importantes da indústria como Destiny’s Child, Beanie Siegel e Black Thought, o que indica que os planos musicais de Bryant naquele momentos eram ambiciosos.

O disco com 16 faixas também usou samples de “Everlasting Bass” (Rodney O & Joe Cooley), “My Adidas” (Run DMC) e “Doo Wop” (Lauryn Hill).

Kobe Bryant no Rap

O vazamento acontece na mesma semana em que Bryant será eternizado no Hall da Fama do Basquete, em cerimônia marcada para este sábado (15) em Springfield, Massachusetts, nos Estados Unidos.

Morto no início de 2020 em um acidente de helicóptero na Califórnia que também vitimou sua filha Gianna e outras sete pessoas, Kobe Bryant receberia a homenagem póstuma ainda no ano passado, mas houve adiamento por conta da pandemia da COVID-19.

Para ouvir o álbum, é necessário fazer o download dos arquivos vazados, e o perfil On Thin Ice garantiu que o disponibilizou em seu Discord.

LEIA MAIS: Após rima desrespeitosa sobre Kobe Bryant, Meek Mill pede desculpas a Vanessa Bryant