Pearl Jam e o clipe de Jeremy
Assista ao novo clipe de Bruno Chelles, Camila Zasoul e Natalhão!  

No início dos Anos 90, os videoclipes eram ferramentas poderosas que poderiam alavancar singles de divulgação de álbuns de bandas ao topo das paradas.

Não à toa, gravadoras, empresários, agentes e artistas eram bastante criteriosos em relação aos vídeos que gravavam e lançavam, e os orçamentos para esses registros normalmente era bastante generoso.

Nessa época, também era interessante notar que o ciclo de divulgação de um álbum era bastante diferente do que temos hoje em dia, sendo que um disco lançado em 2020, por exemplo, poderia continuar reverberando, caso fosse bem explorado, com singles lançados até 2022.

Hoje em dia, isso obviamente não acontece, e um álbum lançado agora muitas vezes já sai do forno até mesmo com um vídeo para cada canção.

Pearl Jam, “Jeremy” e a MTV

Ao final de Setembro de 1992, o Pearl Jam lançou “Jeremy” como terceiro single oficial do seu disco de estreia, Ten, disponibilizado cerca de um ano antes, em 1991.

Em 01 de Agosto de 1992, antes do single ser lançado oficialmente, seu clipe foi ao ar pela primeira vez na MTV e assim que foi mostrado ao mundo, fez história.

Isso porque o registro em vídeo se alinha com a letra da canção, que fala sobre um jovem que se matou em plena sala de aula com um tiro de revólver e foi parar nos jornais com uma pequena nota.

Eddie Vedder, autor da canção, explicou as suas motivações para a composição da letra:

Ela surgiu de um pequeno parágrafo em um jornal e significa que você se mata e faz um grande sacrifício para tentar se vingar. E tudo que você terá ao final das contas é um parágrafo em um jornal. Sessenta e quatro graus [Fahrenheit, cerca de 18 Celsius] e nublado em um bairro suburbano. Esse é o começo do vídeo e a mesma coisa aparece ao final; nada muda. O mundo segue em frente e você se foi. A melhor vingança é viver e provar o seu valor. Ser mais forte do que aquelas pessoas. E aí você dá a volta por cima.

Tema Sensível, Censura e Relançamento

Como é de se imaginar, Jeremy nos deixou pois se sentia isolado entre os outros jovens, com relatos de que ele sempre foi muito quieto.

Por tratar de suicídio, algumas cenas foram cortadas e/ou editadas na época, mas recentemente o Pearl Jam resolveu relançar o vídeo sem cortes, como falamos por aqui, até para debater o assunto amplamente e falar sobre saúde mental e violência causada por armas.

Você pode assistir ao clipe logo abaixo, e configurá-lo para 2160p (4K) na opção de configurações do YouTube, para vê-lo em toda qualidade que essa verdadeira obra de arte audiovisual, que estreou na MTV em 01/08/1992, merece.

Em tempo, o clipe de “Jeremy” ganhou o prêmio de “Clipe do Ano” no VMAs, premiação do canal, de 1993.

LEIA TAMBÉM: há exatos 39 anos a MTV entrava no ar para mudar a história da música

 
Compartilhar