Clipe de
Foto: Gabriel Castilho

A dupla Troá, formada por Carolina Mathias (vocal/baixo/teclado) e Manuella Terra (bateria), viveu em 2019 um ano de grandes realizações. Além do lançamento do disco de estreia Eu Não Morreria Sem Dizer, as integrantes desenvolveram peças audiovisuais para suas músicas e conquistaram o Prêmio de Melhor Música do Ano na votação da SIM São Paulo.

Diante disto, a pandemia veio como um grande choque, que tem dado a 2020 um grande contraste em relação ao ano passado. Isso motivou a banda a fazer de seu mais novo clipe uma especie de “diário visual” das vivências da banda nos últimos dois anos. O vídeo oficial de “Você Me Dá Medo de Morrer Antes da Hora” mostra espaços vistos e ocupados pela dupla durante o tempo de produção do disco.

Nas palavras da banda:

Com a liberdade que o cotidiano nos possibilitava entre 2018 e 2019, filmamos outra época das nossas vidas e do mundo. Acreditamos que isso tenha tomado outras formas e significados agora que boa parte de nós está vivendo um dia-a-dia drasticamente diferente.

 

A força da imagem

Com direção de Carolina e de Gabriel Castilho (fotógrafo e diretor de arte da banda), o vídeo contempla um olhar treinado sobre espaços e momentos. Os espectadores cariocas logo reconhecerão as paisagens locais. Ganham destaque o amanhecer da Floresta da Tijuca, o entardecer da Praça Mauá e as madrugadas do Centro.

Mas a principal imagem é a Joatinga, local onde foi concebida a capa do disco. A força evocada pela paisagem rendeu várias imagens que foram aproveitadas no clipe. Isso vale especialmente para os quadros que retratam uma pedra em cima do oceano.

Clipe de "Você Me Dá Medo de Morrer Antes da Hora" (Troá)
Foto: Carolina Mathias

Também são utilizados no clipe imagens do projeto audiovisual Espio. Trata-se de uma websérie idealizada por Gabriel, que usa experimentos visuais para traduzir conceitos fotográficos de maneira criativa e simples. Além disso, complementam o vídeo imagens analógicas e digitais com performances.

Existe muito o contraste entre o que é natural e o que é projetado. Acreditamos que o encantamento venha de enxergar a particularidade na mistura entre os dois. Muitas vezes íamos para lugares “não-cidade”, como a floresta que aparece em vários momentos do clipe, para também ver o contraste completo e provar que o mais interessante é a mistura.

 

Produção

As meninas da Troá e todas as pessoas que participaram da produção do clipe vão protagonizar um papo sobre os processos. A conversa será realizada ao vivo através do Twitch da PWR Records. Caso tenha interesse, é só sintonizar lá hoje, às 20h.

Mas e você? O que achou do clipe? Deixe sua opinião nos comentários!

TMDQA! SPOTLIGHT: assine a Newsletter oficial e gratuita do TMDQA! agora mesmo

Lançamentos da semana, Charts, textos exclusivos e muito mais: assine agora mesmo clicando aqui ou inserindo seu e-mail na caixa abaixo.

Compartilhar