Valeries
Crédito: divulgação
 

A banda paranaense Valeries lançou recentemente nas plataformas digitais o álbum La La La Pop. Composto por 11 faixas, o disco tem sonoridade que passeia pelo powerpop, punk, indie e rock experimental.

Fundado em 2015, o grupo é formado por Guilherme Hoewell (vocal/guitarra), Pedro Portello (baixo) e Gabriel Pelegrino (bateria).

O trio chegou a excursionar pelos Estados Unidos em 2016, fazendo uma série
de 16 apresentações. Dois anos depois, também divulgou um projeto experimental que contava somente com guitarras e vocais e trazia uma estética lo-fi.

Etnyah

Etnyah
foto: divulgação

O grupo Etnyah, também do Paraná, liberou nas plataformas de música o disco Acerbo, que conta com sete faixas. Duas delas, “Se Liga” e “Mente a Vapor”, já ganharam clipes que estão disponíveis no YouTube.

O quinteto é formado por Rodrigo bays (baixo), Jean Pera (bateria), Giovani Viecilli (voz, teclados e sopro), Tiago Pantoja (percussão) e Luiz Paiva (guitarra).

Em atividade desde 1999, a banda não lançava material desde o lançamento dos singles “Suor e Som” e “Fé não Faia”, em 2018. No currículo, ainda contam os álbuns O Homem Do Outro Lado do Espelho (2016) e Tempo Sujo (2002).

Wesley Camilo

Wesley Camilo
foto: divulgação

O cantor, multi instrumentista, compositor e produtor musical paulista Wesley Camilo lançou o clipe para a canção “Espaço”. Dirigido por Felipe Barros e produzido pela Free Birdz, o vídeo traz a participação de Rayza Nicácio.

A música estará no álbum Presente, previsto para sair no segundo semestre de 2020.

“A cultura do nosso país no final dos 80’s e início dos 90’s foi muito influenciada pela música norte-americana. Não que agora não seja, mas hoje está mais globalizado. Vejo que o espaço pra essa sonoridade sempre foi bem aceito, a diferença é que agora somos nós brasileiros fazendo. E o mais interessante é que com a carga de influências distintas que nós temos,” conta Wesley sobre o lançamento, que mistura R&B e soul com uma batida pop.

Anteriormente, o artista havia liberado o single “Girar”, em parceria com o rapper paulistano Kivitz.

Papangu Elétrico

Papangu Elétrico
foto: reprodução

O grupo pernambucano Papangu Elétrico disponibilizou nas plataformas digitais o disco Manga Lava. Com influências que passam por T. Rex, John Landis, Zappa, Fripp, Osman Lins, Jorge Ben e Pixies, o trabalho apresenta 11 faixas.

O álbum foi gravado entre Abril e Maio deste ano, ou seja, durante o isolamento social.

“O confinamento mudou as coisas. Com os fins de semana em casa, os ensaios pararam, a música parou. Algumas semanas depois, começamos a gravar como loucos. E assim surgiu Magma Lava, que é basicamente energia acumulada vindo à superfície. Não é uma história muito romântica, mas é o verdadeiro clima do álbum: ele é um saco de pancadas,” define a banda.

Mulambo

Mulambo
foto: reprodução

O rapper Mulambo liberou no YouTube o clipe para a faixa “Meu Sim”, que conta com a participação especial da cantora Indy Naíse. Em tempos de quarentena, o vídeo retrata uma relação amorosa mantida à distância.

Por causa das recomendações das autoridades de saúde, o clipe foi todo captado respeitando o distanciamento. Os casais que aparecem nas imagens realizaram as gravações de suas próprias casas.