Roger Waters em Curitiba
Foto por Aline Krupkoski
 

Roger Waters não está nada feliz com o atual cenário da eleição presidencial nos Estados Unidos.

O ex-Pink Floyd, em entrevista com a Rolling Stone (via CoS), criticou o candidato democrata Joe Biden, que vai competir com Donald Trump, na luta pela reeleição neste ano. Waters ainda afirmou que estava depositando suas esperanças em Bernie Sanders, que suspendeu sua campanha.

O músico disse:

Estou em cima do muro. Estou tão surpreso e impressionado com a maneira como o Comitê Nacional Democrata detonou Bernie [Sanders]… de novo. E criou esse candidato — não consigo imaginar Biden vencendo Trump em uma eleição.

Biden é uma porra de um bananão, ele é tão fraco e não atrai ninguém. Trump, pelo menos, é uma cobra e um vendedor, ele faz truques… ele os faz muito mal, mas as pessoas não se importam.

Ainda sobre Sanders, Roger Waters declarou que ele era o “único candidato viável” para essas eleições. Ele ainda continuou:

Estou tão nervoso com a horrível ‘lista de mercadorias’ pela qual o eleitorado americano está se vendendo, e eles se apaixonam por isso sempre. No pretexto mais simples, que é: excepcionalismo na América. ‘Nós somos ótimos. Este é o melhor país do mundo. Acreditamos na liberdade e na democracia e nos direitos humanos. Tornamos tudo melhor. Nós somos a cidade brilhante na colina.’ Não, vocês não são, vocês são horríveis!

Assista à entrevista abaixo: