Roger Waters critica Donald Trump no Desert Trip
 

Roger Waters foi a atração que encerrou o primeiro final de semana do Desert Trip, na Califórnia. O músico tocou 26 faixas do Pink Floyd e fez inúmeras manifestações contra o candidato à presidência dos Estados Unidos, Donald Trump.

Waters chamou o candidato de misógino, reproduziu suas falas e, durante a música “Mother”, lançou um porco inflável no público, com os dizeres: ignorante, mentiroso, racista, sexista.

Além disso, em “Pigs (Three Different Ones)”, Waters exibiu imagens de Trump segurando um vibrador como um rifle, usando uma capa branca da KKK, fazendo uma saudação nazista e com seios caídos e um micro-pênis. Nos versos “ha ha, charade you are”, o telão mostrou o rosto de Trump com a palavra “CHARADA” escrita nele.

Veja o material logo abaixo.

LEIA: Roger Waters toca 26 músicas do Pink Floyd no Desert Trip – vídeos, setlist