Leaving The Planet - Leaving The Planet

Trabalhar com post-rock não é para qualquer um. Um estilo que é na maioria das vezes complexo, apresenta grande profundidade em suas texturas e quase em sua totalidade não traz vocais.

O estilo, que parece ser na verdade um neto do nosso tão querido Rock Progressivo, já possui uma grande banda em nosso país, os paulistas da Labirinto, que trilham um caminho sólido e chamam a atenção pelo requinte e bom gosto em tudo que os cerca (claro, a começar pelas músicas e terminando nas camisas do grupo e todo seu contexto visual).

Eis que aqui temos uma dupla que chega para aumentar a discografia dos fãs do estilo. Os paraibanos do Leaving The Planet iniciaram seu projeto depois de um recital de música bem sucedido na UFPB no ano passado. Chamaram tanto a atenção que foi impossível não transformar a parceria em algo mais sério. Toda a criatividade da dupla pode ser ouvida no álbum de estreia do Leaving The Planet (que pode ser baixado aqui sem custo), uma viagem musical que passeia pelo rock progressivo, metal, jazz e por muitos experimentalismos regados a camadas de delays e reverbs com elementos eletrônicos muito sutis e bem dosados.

LTP_LINEKERDIEGO

“August 21” é um bom exemplo a ser encontrado nas seis faixas do trabalho. Melodias de guitarra contando uma história, mostrando toda a sensibilidade da dupla de compor música atmosférica, calma e bonita. Algo que nos remete às sonoridades de bandas de países mais frios como Sigur Rós e Hammock. “Winter” tem dedilhados conversando com sutis guitarras palhetadas como chorinho, integradas a uma bateria jazzística e funcionando tão bem que a simples desconstrução da música impressiona por identificar os elementos que fazem parte dela.

“I made this for you” começa suave, bonita… evolui sutilmente até desembocar em um riff de metal explodir e voltar ao quase silêncio de melodias simples que nadam em belos reverbs.

Mais do que indicado, um prato cheio aos fãs do estilo. Não percam tempo, dêem play logo abaixo.

Nota: 8/10