Show do Kiss no Brasil será transmitido pela internet

Conforme você viu aqui no Tenho Mais Discos Que Amigos!, o KISS está na lista de indicados para o Hall da Fama do Rock’n’Roll, e como não poderia deixar de ser, começaram os questionamentos sobre o possível retorno dos integrantes Ace Frehley e Peter Criss caso o grupo seja um dos escolhidos.

Sem papas na enorme língua, o baixista Gene Simmons foi bem claro ao falar sobre isso com o site Ultimate Guitar:

Não. Quantas chances na vida você tem? Quando você coloca sua mão no fogo, é queimado a primeira vez. O fogo e a natureza não se importam se você é um cara legal ou um cara malvado. Esses dois caras tiveram três chances de estar na banda e nas três vezes eles foderam tudo. Eles foram tão importantes como nós para a formação da banda e eles teriam significado o fim da banda caso continuassem com a gente.

Quando você tem um câncer no seu sistema, é melhor cortar o mais rápido possível. Costumava ser parte de seu corpo mas aí virou um câncer então você precisa tirar. Eu acredito que Peter e Ace estão mais felizes agora. Eles estão mais saudáveis, parecem bem. Quando eles estavam na banda, ambos estavam consumindo crack ou álcool. Claramente um lugar nada saudável para eles. Eles pertencem ao mundo dos shows de autógrafos em pequenos clubes – são mais felizes assim.

Gene Simmons e as polêmicas

Recentemente o baixista se envolveu em outra polêmica ao dizer que nomes como Kurt Cobain e Amy Winehouse não podem ser considerados ícones da música pois lançaram poucos discos e “morrer não os torna ícones.”

 

Axl Rose e o Guns N’ Roses

Não é a primeira vez que algo similar acontece, já que no ano passado o Guns N’ Roses foi incluso no Hall da Fama do Rock’N’Roll e seu vocalista, Axl Rose, não apareceu na festa.