Documentos dos Beatles são colocados à venda
 

Documentos dos Beatles são colocados à venda

Um contrato de show e um documento com a lista de exigências (o chamado rider) dos Beatles serão colocados à venda em leilão nos próximos dias e mostram um pouco do que o quarteto pensava e fazia quanto a seus shows.

O primeiro ponto e talvez o mais interessante desses novos documentos é o fato de que a banda se recusou a tocar para uma plateia segregada racialmente nos Estados Unidos em Daly City, na California em 1965. Nessa época a separação racial entre negros e brancos era uma questão delicada no país e a banda fez questão de documentar que não se apresentaria diante dessa situação.

Nos pedidos da banda, não menos do que 150 policiais uniformizados e uma plataforma de bateria para Ringo Starr, além de eletricidade e água em seu trailer.

Por fim, nos camarins a banda pedia espelhos, geladeira, TV e toalhas limpas. Coisas extremamente simples e básicas se comparadas às listas de outras bandas bem menos importantes, não?

Os documentos, assinados pelo empresário da banda Brian Epstein serão colocados à venda no dia 20 de Setembro e espera-se que atinjam 5 mil dólares.

 
Compartilhar