Robert De Niro
Foto por Josh Jensen/Flickr
 

Robert De Niro está sendo alvo de acusações bastante sérias feitas por sua ex-assistente.

Graham Chase Robinson, que foi contratada pelo ator em 2008, alega ter sido verbalmente abusada e discriminada por seu gênero enquanto trabalhava com ele. De acordo com Graham, De Niro a tratava de forma “hostil, abusiva e intimidadora”, a chamando de “vagabunda” e “babaca”.

Robinson ainda afirma que Robert estava constantemente bêbado, e que chegou também a ofender outras mulheres com quem trabalhou. Além disso, o ator também teria feito comentários de cunho sexual para ela, sugerindo que engravidasse usando “o esperma de um colega de trabalho”.

Como prova de suas alegações, Graham entregou à justiça um recado que De Niro deixou para ela ao telefone. Nele, ele diz:

Você não atende a porra das minhas ligações? Como ousa? Você vai ser demitida. Como ousa? Não fique aborrecida comigo por eu estar de saco cheio e não conseguir algo simples que eu quero agora. Você deve estar brincando comigo, sua babaca mimada. Vá se foder!

Além de negar todas as acusações, De Niro está processando a mulher de volta em 6 milhões de dólares. Segundo ele, ela usava seu tempo no trabalho para assistir a episódios de Friends, além de usar o cartão de crédito corporativo para almoçar.

Complicado.

     
 
Compartilhar