Sabemos que, entre os nossos leitores, muitos são viciados em shows. Nós também somos!

Com esse hábito — que faz super bem para a saúde, inclusive — vêm as histórias absurdas, bizarras, emocionantes e até tristes. Afinal, quem não tem pelo menos um momento memorável para contar sobre um show?

Perguntamos justamente isso aos nossos seguidores lá no Instagram, e as respostas foram incríveis. Reunimos as mais legais logo abaixo, então divirta-se!

Jesus fazendo milagres

The Jesus and Mary Chain em São Paulo-17
Foto por Stephanie Hahne

@pietro.gaspari:
Jesus And Mary Chain em 2014. No dia havia chovido bastante e uma hora parou, só que voltou a chover logo quando eles começaram a tocar ‘Happy When It Rains’.

O maggot esquecido (e cagão)

Slipknot no Download Festival 2019
Foto: Divulgação / Download

@thiagorocharamos:
RESUMINDO: eu perdi meu ingresso do Rock In Rio (Slipknot) na rua e só percebi três pontos de ônibus depois. Desci e voltei andando até a casa que eu estava e consegui achar o ingresso no meio da rua embaixo de uma folha. (Sim. Foi verdade.) Detalhe: sou de Recife e fui pro RJ principalmente pelo Slipknot. Obs: primeira coisa q fiz quando entrei na Cidade do Rock foi ir pro banheiro cagar de tão nervoso que eu tava.

Tênis viajante

The Offspring no Rock In Rio
Foto: Wallace Mendonça / Estácio

@ga_gda:
Primeiro show do The Offspring no Brasil, perdi meus dois tênis, de repente vejo [um deles] voando no palco entre os caras da banda! Fui embora descalço e com um sorriso no rosto.

Paul McCartney não morreu, mas ele quase

Paul McCartney em SP 2019
Foto: Stephanie Hahne

@ismaelangelus:
Show do Paul McCartney em Fortaleza. Não podia entrar com nada no estádio e ao saber disso várias pessoas começaram a jogar o que portavam na fila para cima. Voavam guarda-chuvas, biscoitos, pedaços de bolo, garrafas de plástico. Virei uma garrafa de água mineral cheia de cachaça no meio desse escarcéu. De repente o Paul aparece em cima de um carro filmando a gente, volta uma segunda vez. Todos ficam alucinados. Então, quando finalmente os portões se abrem, as pessoas entram alucinadas como se estivéssemos em 1966. A cachaça batera pesado em mim e começo a passar mal. Um conhecido que ali encontrara me leva até uma tenda de primeiros socorros onde tomo glicose. Vomito. Saio da tenda e caio na grama de onde começo a ouvir o show com a cabeça girando mais que o pião da Casa Própria. O show vai passando e escuto Paul dizer: ‘A próxima música é do meu amigo George Harrison’ e ataca ‘Something’. Caio em lágrimas, finco o punho no chão e vou lá pra frente do palco entre morto e vivo, inebriado como o diabo naquele momento único entre 55 mil pessoas. Um garoto pede a mão da namorada em casamento. O público vai a loucura e o Castelão em uníssono canta ‘Hey Jude’. Quase não chego vivo em casa, mas faria exatamente tudo igual. Sem nem pensar duas vezes.

Queimou mesmo sem enxergar

TNT Energy Stage - Francisco, el Hombre
Foto: Stephanie Hahne

@lannaneves__:
Show da Francisco, el Hombre esse ano no CoMa! Estava rodeada de gente linda. O show foi doido por causa da animação da galera e da poeira que tava rolando. Pulei tanto que meu óculos empenou.

De rolê com um Ramone

@renanwust:
Show do CJ Ramone, 7 de setembro de 2014 em Porto Alegre. Depois do show fomos no hotel que ele estava hospedado, nos deu pizza, bateu fotos, subiu pro quarto pra trocar de roupa, caminhou ele e Dan Root por uns 40 minutos com nós (eu estava com alguns amigos) na madrugada pelas ruas pra ir em um bar beber umas cervejas. Chegamos no bar e estava fechado, fomos em outro bar estava tocando pagode, não entramos. CJ sugeriu comprar cerveja e ir beber no saguão do hotel, compramos cerveja, voltamos ao hotel, bebemos até umas 5h da manhã, ele nos mostrou com exclusividade o disco ainda não lançado na época, ‘Last Chance To Dance’, no celular, contou algumas histórias sobre o Ramones. Depois de tudo isso, se despediu de todos, subiu para o quarto porque ele tinha que pegar o voo de volta pra casa algumas horas depois.

Surra de consciência com a Pitty

Foto por Stephanie Hahne

@julianagomes_jgs:
Indo para um show da Pitty com meus primos, o pneu do carro furou… Ficamos um tempão tentando trocar e nada. Quando apareceram dois moradores de rua (que a gente tinha certeza que iam nos roubar) oferecendo ajuda para trocar o pneu e, depois desse tapa na cara do preconceito, finalmente conseguimos chegar no show.

Que bonito!

Los Hermanos 2019
Foto por Caroline Bittencourt

@alessandroseara:
Eu e minha esposa ficamos noivos no show do Los Hermanos em 2015, na esplanada do Mineirão (Belo Horizonte/MG). Cercados de amigos, trocamos alianças ao som de ‘O Último Romamce’ com a alegria de uma galera que nem conhecia a gente, mas deu a maior energia boa. Até hoje escutar essa música me faz chorar de alegria.

Roger Waters puto da vida

Roger Waters em Curitiba
Foto por Aline Krupkoski

@resapi:
Roger Waters no Rio de Janeiro, show do The Dark Side of The Moon em 2000 e borrachas. Um dia após o show eu bem embarcando pra ir embora, pedi pra adiantar o voo porque não tinha mais um puto nem pra comprar almoço. O cara do guichê se comoveu e me fez uma surpresa, após eu dizer que tinha ido ao show e não levei máquina fotográfica (não tinha smartphones)… Me pôs no mesmo voo da banda e, pra melhorar, na mesma fileira do CARA, Seu Roger! Dei um grito no avião e estraguei a entrada discreta dele… porque todo mundo me perguntou quem era o cara, que sentei sem querer na poltrona que ele ia sentar! Resumindo, ficou putão comigo e nem foto eu tirei com ele! Mas dele sim!

Dead Fish e o chute naquele lugar

Rodrigo Lima do Dead Fish no Oxigênio Fest 2018-2
Foto: Stephanie Hahne

@erickcharlles:
Show do Dead Fish aqui em Americana (SP) em 2007 (acho). Um cara foi dar um mosh e chutou o pedestal nos países baixos do vocalista, e aí ele parou de cantar e começou a correr atrás do cara.

Violência com inclusão

Raimundos
Foto: Divulgação

@leandroalp:
Vi um cara de muletas no meio da roda num show dos Raimundos. E ele bateu em mim com ela.