Jason Bonham em 2018
Foto de Jason Bonham via Shutterstock
 

Jason Bonham, filho do lendário baterista John Bonham, do Led Zeppelin, deu diversas declarações polêmicas em uma entrevista recente.

O cara esteve no programa de Howard Stern na rádio via satélite SiriusXM, e por lá acabou falando a respeito de drogas, afirmando que Jimmy Page, guitarrista da banda britânica, foi o primeiro a lhe dar cocaína:

Nós fomos chamados ao quarto dele. Eu tinha 16 anos de idade e havia uma mulher no chão com uma coleira, miando. Ele se virou pra mim e disse, ‘aqui está’, e eu falei, ‘obrigado’. Ele perguntou, ‘você já usou isso antes, certo?’ E eu falei tipo, ‘claro que sim.’ Então ele passou [a droga] para mim e eu cheirei tudo, e aí ele falou, ‘Exatamente como seu pai – sabe, essa quantidade era para ser para todos nós aqui.’

Jason ainda falou que demorou para entender que essas comparações com o pai eram uma coisa ruim:

Eu recebia esses elogios e ficava, ‘Oh, sou como meu pai.’ Eu estava levando para o lado errado. Às vezes quando eu ficava bastante bêbado eles falavam, ‘Ele é exatamente como o pai.’

No programa, Jason disse que está sóbrio há 17 anos (ele tem 52 hoje) e não tem problemas com pessoas bebendo ao seu redor.

Reunião do Led Zeppelin

Vale lembrar que quando o Led Zeppelin se reuniu em 2007 para gravar aquilo que se tornaria o álbum ao vivo Celebration Day, foi Jason Bonham, filho de John Bonham, quem assumiu as baquetas.

No programa, Howard Stern e Jason falaram sobre como outra reunião do Led Zeppelin iria acontecer mas Robert Plant achou que a ideia não era boa.

John Bonham

Vale lembrar que o baterista morreu aos 32 anos de idade após se afogar com o próprio vômito enquanto dormia. Nas 24 horas anteriores ele havia consumido cerca de 40 doses (1-1.4 litros) de vodka.

     
 
Compartilhar