Oli Sykes, do Bring Me The Horizon, na capa de Mantra
Foto: Divulgação
 

Se o novo disco do Bring Me The Horizon se deu muito bem no Reino Unido, o mesmo não pode ser dito dos Estados Unidos.

amo, novo álbum do grupo que vem dividindo opiniões, garantiu pela primeira vez o topo das paradas britânicas para a banda, mas não conseguiu repetir o feito do outro lado do Oceano Atlântico.

O disco estreou em décimo quarto lugar na Billboard 200, a parada mais importante da indústria musical, comercializando 16.000 cópias na semana de lançamento.

Para se ter uma ideia, o último disco do BMTH, That’s The Spirit, estreou na segunda posição em 2015 com 62 mil cópias vendidas, quase quatro vezes a mais do que o seu sucessor.

Além disso, o destaque da semana na Billboard 200 ficou com os Backstreet Boys que, pela primeira vez em quase 20 anos, chegaram ao topo das paradas e não foi de forma discreta.

DNA, novo disco da boy band comercializou impressionantes 234.000 cópias na semana de lançamento, um número mais que considerável para os dias de hoje.

Bring Me The Horizon

Apesar de ficar “apenas” no Top 15 da Billboard, o grupo conquistou outras posições importantes em outras paradas dos EUA, ficando em segundo lugar na de Hard Rock e em terceiro na de Rock.

O grupo vem ao Brasil para o Lollapalooza e também fará um show solo em São Paulo com o Fever 333.

   
 
Compartilhar