Andreas Kisser - entrevista
Foto: Reprodução/YouTube
 

Ano passado, o Sepultura voltou com tudo lançando Machine Messiah, décimo quarto álbum de estúdio da banda.

Ao longo de suas dez músicas, o disco reflete sobre a relação da tecnologia com a sociedade atual e seus efeitos positivos e negativos. No fim, o trabalho acabou se tornando um dos álbuns mais elogiados da carreira da banda.

Agora, em meio a diversas turnês, o guitarrista Andreas Kisser fez uma entrevista para o canal holandês FaceCulture — onde comenta sobre diversos assuntos.

Um dos pontos mais ressaltados pelo músico é a presença forte da tecnologia no dia-a-dia e como isso está influenciando a nova geração.

É preciso disciplina, é como educar um filho. Você não pode deixar ele no videogame porque ele vai querer jogar videogame o dia inteiro, ele não vai ter uma perspectiva de futuro — pra ele, ele quer aquilo e pronto. Não, ele vai pra escola, vai aprender aquelas coisas chatas que nós tivemos que aprender e que hoje damos valor. Vai fazer esportes, lição de casa e depois vai jogar umas duas horas de videogame.

O músico ainda ressalta que esse não é um problema apenas para as crianças, mas também para os adultos. “A gente pergunta tudo pro robô”, disse Kisser, dando o exemplo de aplicativos como o Waze.

“Para a nossa própria saúde mental e física, nós precisamos ter esse equilíbrio”, ele continua.

Por mais que o veículo seja holandês, a entrevista foi feita completamente em português! Você pode conferir tudo na íntegra logo abaixo.

     
 
Compartilhar