Através de seu site, Paul McCartney fala sobre a morte do guitarrista Henry McCullough

Guitarrista tocou com McCartney em sua primeira banda após o fim dos Beatles, o Wings

paul mccartney falou sobre a morte do guitarrista henry mccullough, onde tocaram juntos no wings
 

No dia 14 de Junho, o guitarrista do Wings, Henry McCullough, faleceu aos 72 anos de idade. Através de seu site oficial, Paul McCartney, que já tocou junto de Henry na banda, prestou uma homenagem ao guitarrista. Leia:

Fiquei muito triste de saber que Henry McCullough, nosso grande guiarrista do Wings, faleceu hoje. Era um prazer trabalhar com ele, um músico super talentoso com um senso de humor adorável. O solo que tocou em “My Love” foi um clássico que ele criou sem ensaiar em frente a uma orquestra ao vivo. Nossos profundos sentimentos à sua família.”

Henry McCullough

O guitarrista Henry McCullough tocou em apenas um disco com o Wings, o Red Rose Speedway, de 1973 e também participou da gravação da clássica “Live and Let Die”, que foi tema de James Bond.

Henry também tocou com a banda Joe Cocker’s Grease Band antes de virar um músico de sessão e chegou a trabalhar com artistas como Donovan, Roy Harper e Marianne Faithfull. Na carreira solo, foram 11 discos lançados, com o último registro sendo em 2012, Shabby Road, um tributo aos Beatles.

A causa de sua morte, segundo seu agente Nigel Martyn, foi uma batalha perdida após uma longa doença em decorrência de um infarto no qual Henry nunca conseguiu recuperar-se totalmente.

Que descanse em paz.

Paul McCartney

Além de homenagear o ex-colega de banda, Macca também andou dando declarações sobre outro amigo do qual sente saudades: John Lennon. Durante uma entrevista sobre seu processo de composição e outros detalhes da carreira, o músico revelou que sente “muita saudade de trabalhar com John porque era algo muito especial e sabemos o quanto é difícil repetir isso”. Leia mais clicando aqui.

     
 

Comentários