Serj Tankian em protesto sobre genoício na Armênia
Foto via Shutterstock

Enquanto os fãs do System Of A Down aguardam há quase 20 anos o lançamento de um novo disco da banda, o vocalista Serj Tankian voltou a falar sobre o que o motivaria a realizar esse pedido.

Recentemente, o músico participou do The Jesea Lee Show e, por lá, apontou que uma “abordagem igualitária para tudo dentro da banda” seria uma das iniciativas que poderia fazer com que ele trabalhasse no sucessor dos discos Mezmerize e Hypnotize, lançados pelo SOAD em 2005.

Ele acrescentou, segundo a tradução do Blabbermouth (via Wikimetal):

[Em outras palavras,] uma espécie de maior igualdade em termos de origem da música, em termos de divisão de tudo, incluindo publicação, em termos de ideias, em termos de partilha da visão – esse tipo de coisas.

O lendário vocalista, que está divulgando seu novo livro Down With The System, apontou que o conceito do qual está falando também está em sua obra:

Chamamos isso de manifesto, brincando, porque anotei isso anos atrás, quando tinha algumas músicas novas que achei que seriam incríveis com o System e então as toquei para os caras. E eu disse: ‘Pessoal, tenho uma ideia de uma visão, um caminho diferente a seguir que acho que seria muito benéfico para a banda.’

E eu apresentei – nós chamamos isso de manifesto no livro quase meio de brincadeira, mas trazer um manifesto para músicos de rock é… [Risos] Acho que não funciona – não funciona. Mas eu estava tentando incutir o mesmo tipo de princípios igualitários que adoro como ativista em tudo o que faço. E naquela época não funcionou, mas talvez um dia funcione. Veremos.

Serj Tankian e os motivos para não lançar novo disco com o System Of A Down

Em maio, Serj Tankian também abordou o assunto sobre um próximo disco do System Of A Down e apontou que o principal empecilho para isso acontecer são as “diferenças criativas” dentro do grupo.

Ele também declarou que não estava recebendo o “incentivo” que esperava, mas chegou a assumir a própria culpa pela dificuldade do grupo.

No ano passado, o baterista do SOAD, John Dolmayan, se abriu sobre a tentativa de lançar novos discos com o grupo e apontou que “Serj não queria estar na banda há muito tempo”.

O músico ainda apontou que eles deveriam ter se separado por volta de 2006 e que, nas tentativas de fazer outro disco, “havia certas regras estabelecidas que tornavam difícil fazê-lo e manter a integridade do que o System Of A Down representava”.

O primeiro show do SOAD este ano aconteceu em abril, no festival Sick New World, em Las Vegas. A performance marcou a primeira vez que o grupo subiu ao palco desde que tocou no mesmo evento um ano antes. Ao final da matéria, você pode ver um vídeo do grupo tocando “Chop Suey!” no evento em questão.

Até o momento, há apenas mais um show na agenda, no dia 17 de Agosto em San Francisco, na Califórnia, com o Deftones. No Brasil, por enquanto, não há qualquer previsão de shows. Ficamos na torcida!

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! METAL

Nu Metal, Metalcore, Heavy Metal, Thrash e muito mais: todo peso das guitarras aparece na Playlist TMDQA! Metal para você ouvir clássicos e conhecer novas bandas agora mesmo. Siga o TMDQA! no Spotify!