Maconha
Foto por 7raysmarketing via Pixabay
 

O acesso à maconha está cada vez mais prático e rápido no Canadá e agora será possível até mesmo pedir a erva por apps de delivery.

O passo foi dado pela Uber Eats e representa o primeiro contato da gigante com a cannabis. O processo começa em Ontário e, em breve, usuários do aplicativo poderão comprar itens relacionados à erva — além da própria, é claro — dentro da plataforma.

Quem fornece os produtos é a loja Tokyo Smoke, e seu catálogo ficará em uma parte especializada do aplicativo. Após realizar o pedido, os clientes devem ir até o estabelecimento para retirar o pacote.

Para que isso aconteça, o Uber Eats fará uma verificação de idade no aplicativo. No momento da coleta, o cliente também deve provar sua maioridade exibindo um documento de identidade.

Canadá e a Maconha

O país foi o primeiro do G20 a legalizar a maconha recreativa, lá em 2018. Até hoje, porém, o governo de Justin Trudeau trava uma batalha contra o mercado ilícito — a parceria com a Uber faz parte do projeto.

Lola Kassim, gerente geral da empresa no Canadá, declarou em um comunicado (via Mix Mag):

Estamos fazendo parcerias com líderes da indústria como a Tokyo Smoke para oferecer opções seguras e convenientes às pessoas de Ontário, para que comprem maconha legalmente.

Outro porta-voz da Uber ainda disse:

Continuaremos observando os regulamentos e oportunidades de perto, mercado a mercado. E à medida que as leis locais e federais evoluem, exploraremos oportunidades com comerciantes que operam em outras regiões.

Por enquanto, Ontário é a única localidade a contar com esse serviço. Será que a moda pega?

 
Compartilhar