Ex-mulher de DJ Ivis se pronuncia após denunciar agressões:
Reprodução / Instagram
 

Infelizmente a tarde de ontem (11) foi marcada pela denúncia de mais um caso de relacionamento abusivo e por fortes imagens de agressões físicas, desta vez compartilhadas por Pamella Holanda, ex-mulher do DJ Ivis.

Pamella utilizou sua conta do Instagram para denunciar a violência que estava sofrendo em casa. Ela publicou em seus stories vídeos com imagens feitas com câmeras internas da casa em que morava com o marido.

Nas gravações, que contêm cenas extremamente fortes, Pamella aparece levando socos e chutes do então marido, DJ Ivis, enquanto estava sozinha e também na presença da filha, ainda bebê, e de outras pessoas.

Na manhã desta segunda-feira (12), Pamella voltou às redes sociais para agradecer o apoio que vem recebendo e comentar mais alguns detalhes sobre os momentos lamentáveis que passou ao lado do ex-marido:

Eu quero e preciso agradecer todo o apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas que estou segura, eu e minha filha. E dizer também que hoje o meu choro é de alívio por ter certeza que Deus está com a gente, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir pra ajudar ninguém. Não existe fama, status, dinheiro, posição social, contato ou influência que permita ele de ficar impune.

Eu me calei por muito tempo! Eu sofria sozinha com minha filha, sem apoio até dos que se diziam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e presenciavam tudo calados sem interferir com a desculpa que eu tinha que aguentar calada porque era o ‘jeito dele’, era esse o ‘temperamento dele’ e que se eu quisesse viver com ele teria que me sujeitar e ser submissa. Não se calem! Não se calem jamais! Eu não vou me calar.

Junto com uma foto em que aparece grávida da filha do casal, ela deixou uma mensagem para a menina:

Por mim e por você, minha filha, que é mulher. Que sentia junto comigo antes de nascer a angústia, o medo. Estamos salvas. estamos salvas!

E em seguida publicou mais uma mensagem, dessa vez, direcionada ao ex-marido.

Acabou a vida de video game, a vida de novela, de comercial de margarina para ganhar em cima. E você nunca foi um cara família, até porque você não sabe o que é ser uma.

Caso DJ Ivis e Pamella Holanda

Após a divulgação dos vídeos em que o DJ Ivis aparece agredindo Pamella Holanda, o produtor musical usou suas redes sociais para se defender das acusações feitas pela ex.

Em uma série de vídeos publicados por ele em seus stories do Instagram, o artista comentou que não estava vivendo uma “relação saudável há algum tempo” e confirmou as agressões, mas alegou ser vítima de ameaças.

Ele também mostrou um Boletim de Ocorrência que fez contra Pamella no dia 13 de Março em que ele descreveu que ela “não admite de forma alguma o fim do relacionamento” e que “a mesma ameaça se jogar do condomínio e [fazer] sumir a filha menor”.

A Vybbe, escritório de Xand Avião e responsável por gerenciar a carreira do DJ Ivis, informou que o artista foi desligado da empresa. Em um comunicado, Xand declarou:

Nada justifica violência, ainda mais contra uma mulher. Como todo mundo sabe, o DJ faz parte da Vybbe, infelizmente, não tem como continuar com ele na nossa empresa.

Neste domingo (11), a defesa de DJ Ivis entrou com um pedido na Justiça para que o conteúdo em que ele aparece agredindo a ex-mulher fosse removido das redes sociais, porém o pedido foi negado pela juíza Maria José Sousa Rosado de Alencar, da Comarca de Fortaleza.

Além disso, também foi negado o pedido do músico de que Pamella fosse proibida de comentar sobre o assunto com a imprensa, “principalmente onde citem a filha menor”.

De acordo com o G1 (via Marie Claire), o processo de calúnia movido por DJ Ivis contra a ex-mulher foi encaminhado para a Comarca da cidade de Eusébio, na Grande Fortaleza, onde mora o músico paraibano.

Esperamos que a justiça seja feita da maneira mais eficiente possível.

 
Compartilhar