Beatles no Cavern Club com Pete Best
Foto: Twitter @BeatlesPeteBest
 

09 de Fevereiro de 1961 é uma data bastante importante para a carreira dos Beatles.

Foi nesse dia que o quarteto de Liverpool fez o seu primeiro show no lendário Cavern Club, local que receberia centenas de outras apresentações dos caras no futuro e se tornaria um ícone da cidade.

Naquele dia, estiveram no pequenino palco os lendários Paul McCartney, George Harrison e John Lennon, além do baterista Pete Best.

Foi Pete, inclusive, quem celebrou a data em sua conta no Twitter, postando uma foto e dizendo:

Acabei de ser lembrado. Há exatos sessenta anos nós, os Beatles tocamos no Cavern Club original pela primeira vez e várias outras vezes depois disso. Eu acho que só Paul e eu tocamos no novo local.

The Beatles no Cavern Club

Após voltar de um período na Alemanha onde se apresentou com frequência, principalmente em Hamburgo, os Beatles fizeram nada mais, nada menos do que 292 shows no Cavern Club entre 1961 e 1963.

Não à toa, a história de uma das maiores bandas de todos os tempos está intimamente ligada ao local.

História de Pete Best

Antes de se consolidar com o baterista Ringo Starr ao lado de Lennon, McCartney e Harrison, os Beatles tiveram alguns bateristas, e Pete Best foi o último deles.

O cara ficou na banda entre 1960 e 1962, e foi substituído quando o grupo entrou nos estúdios de Abbey Road para fazer algumas de suas gravações mais emblemáticas.

Diz a lenda que foi o produtor George Martin quem reclamou a seu respeito para o empresário Brian Epstein, dizendo que ele tocava mal e deveria dar lugar a outra pessoa.

Ringo Starr foi recrutado da banda Rory Storm and the Hurricanes e o resto é história.

 
 
Compartilhar