Nicki Minaj no vídeo de Hard White.
Fonte: Reprodução/Youtube
 

Nicki Minaj é mais um nome no bonde dos que estão bem revoltados com o anúncio dos indicados ao Grammy 2021. No caso da rapper, porém, a treta nem se refere à edição do próximo ano.

No Twitter, a artista relembrou a derrota que sofreu em 2012, quando não levou o prêmio de Melhor Novo Artista. Naquele ano, quem levou a melhor foi o cantor indie Bon Iver — e Nicki ainda não aceitou esse resultado.

A rapper comentou:

Nunca se esqueça que o Grammy não me deu meu prêmio de melhor nova artista quando eu tinha sete músicas simultaneamente em todas as paradas e com maior sucesso do que qualquer rapper mulher na última década – passei a inspirar uma geração. Eles deram para o homem branco Bon Iver.

As alegações podem até parecer “dor de cotovelo”, mas é realmente verdade que o Grammy sempre tropeçou na questão racial. Grandes trabalhos de artistas como Kanye West, Frank Ocean, Drake e até Beyoncé já ficaram de fora em anos fundamentais, e a comunidade negra costumava ser minoria nas categorias.

Nos últimos anos, grandes premiações, incluindo o Grammy, anunciaram mudanças para prevenir esse tipo de polêmica.

LEIA TAMBÉM: Chefe do Grammy tenta explicar ausência de The Weeknd entre indicados