Terry Crews em 2017
Foto de Terry Crews via Shutterstock
 

Em meio aos protestos antirracismo que tomam conta dos EUA, o sempre vocal Terry Crews se manifestou sobre a questão — afinal, além de tudo, ele hoje tem como principal papel um sargento na comédia policial Brooklyn Nine-Nine.

Em conversa com o Access Online (via The AV Club), o ator deixou bem claro que já foi vítima de racismo diversas vezes e relatou que já chegou a ter uma arma apontada a si porque a polícia “tinha pego o cara errado”.

Ele reforça que isso sempre existiu e que a comunidade negra “sempre soube que isso estava acontecendo”, mas que agora é o momento em que as pessoas brancas estão conseguindo enxergar essa realidade:

Vocês já me viram, em filmes e tudo mais, mas antes de tudo isso eu sempre fui uma ameaça. Eu iria ao shopping ou ia para lugares diferentes. Eu já tive armas apontadas para mim por policiais em Los Angeles. Isso foi antes de eu ser famoso. A questão é, eles tinham pego o cara errado. É algo que todo homem negro já viveu e é difícil realmente tentar fazer outras pessoas entenderem. Eu tenho que dizer, isso aqui, o que está acontecendo agora é o movimento ‘Me Too’ [Eu Também] da América Negra. Nós sempre soubemos que isso estava acontecendo, mas agora as pessoas brancas estão entendendo.

Terry Crews e a nova temporada de Brooklyn Nine-Nine

Segundo o ator na mesma entrevista, os quatro episódios que já estavam prontos para a próxima temporada de Brooklyn Nine-Nine foram “jogados no lixo” e ainda não há uma decisão concreta sobre a direção da série, que pretende abordar o tema. Você pode saber mais por aqui.

Vale lembrar que em um ato bastante simbólico, o elenco de B99 fez diversas doações para ajudar a pagar as fianças de manifestantes que foram presos de uma maneira que eles acreditam ser injusta por estarem protestando por direitos fundamentais.

A sétima temporada de Brooklyn Nine-Nine chegou ao fim no último dia 23 de Abril, após um total de 13 episódios.

LEIA TAMBÉM: Brittany Howard “dubla” Terry Crews no clipe da nova “Stay High”; assista