Prédio da Live Nation em Beverly Hills
Foto Stock via Shutterstock

A Live Nation teve uma movimentação financeira gigantesca nesse momento de crise no mercado do entretenimento.

Por conta da pandemia do coronavírus, shows da produtora — e de todas as outras, é claro — foram cancelados ou adiados por tempo indeterminado. Agora, o fundo soberano do governo da Arábia Saudita comprou ações da empresa avaliadas em 500 milhões de dólares (mais de 2.5 bilhões de reais).

Ao todo, são 12,337,569 ações compradas, o que aumentou o valor das ações da produtora em 2% assim que a venda aconteceu. Agora, com cerca de 5.7% das ações, o fundo de investimento do país é o terceiro maior acionista da empresa, enquanto a Liberty Media, de John Malone, é a maior acionista individual com 33% de participação.

As informações são do The Hollywood Reporter.

Live Nation

Por conta da pandemia, o valor das ações da empresa havia despencado em 40% desde janeiro. Além disso, a empresa foi processada por não oferecer reembolsos a quem havia comprado ingressos.

À vista da situação, o CEO chegou a abrir mão de seu salário para ajudar a Live Nation a não quebrar, como te contamos por aqui.

A ação da Arábia Saudita faz parte do projeto de aumentar a indústria de entretenimento local — algo que deve ser retomado pós-pandemia.

LEIA TAMBÉM: Especialista diz que shows só devem voltar no segundo semestre de 2021

I WANNA BE TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e Rock Alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!