Democracia em Vertigem
 

A sorte não está à favor de Democracia em Vertigem, documentário brasileiro indicado ao Oscar.

De acordo com sites internacionais especializados em cinema e na premiação (via BBC), o trabalho é considerado o “azarão” do evento neste ano. Isto porque o documentário fica abaixo de seus quatro concorrentes em listas de notas e resenhas, e também “roubou” o lugar de um filme bastante cotado para entrar na categoria.

Muitos críticos sentiram falta do documentário americano Apollo 11, sobre a missão que levou o homem à Lua. No Metacritic, por exemplo, o filme brasileiro aparece em 57° lugar na lista de melhores filmes de 2019 — enquanto Apollo 11 aparece em 14°, com 88 pontos.

Um editor do site comentou:

O documentário que mais ganhou prêmios no circuito de premiações nas semanas mais recentes, ‘Apollo 11’, é o filme obviamente esnobado. A nomeação surpreendente, em seu lugar, é de Democracia em Vertigem, que foi em sua maior parte ignorado em outros lugares.

Apesar do aparente ressentimento com relação à esnobada do Oscar ao filme, Democracia em Vertigem ainda assim ganhou boas notas e resenhas pra lá de positivas de veículos como Variety, Los Angeles Times, New York Times e The Guardian.

Como já te contamos por aqui, o documentário aborda a cena política no Brasil desde os protestos de 2013 até o impeachment que tirou Dilma Rousseff da presidência.

Oscar 2020

O Oscar deste ano acontece no dia 9 de fevereiro — veja todos os indicados por aqui.

LEIA TAMBÉM: Dilma Rousseff aparece em dois filmes indicados ao Oscar 2020