A cantora Lorde relatou em novo video pela VEVO sua experiência com a sinestesia e como isso a inspirou na produção do novo álbum, Melodrama.

A sinestesia é uma condição neurológica em que há uma mistura de sentidos. No caso da cantora neozelandesa, ela pode ver cores na música. Lorde diz que a experiência é “empolgante e estranha e faz tudo parecer um pouco mais vivo.”

Ouvir uma música e ter esta imagem ao ser redor – sabe, você dedilhar uma corda e, de repente, ser inundada por cores diferentes ou texturas.

Lorde também diz que é difícil explicar esse fenômeno para pessoas que não têm sinestesia, porque elas não enxergam diferença alguma:

Por muito tempo eu acreditei que as pessoas tinham cores para cada dia da semana ou para cada nome de seus amigos.

Sobre o novo álbum, a cantora o classifica como “muito intenso e colorido, com sons muito próximos do ‘mundo fluorescente’ de sair à noite”.

O trabalho que eu faço é mais um reflexo do interior do meu cérebro ‘traduzindo as cores na minha cabeça’.

Ela também encontra dificuldades nessa condição: “Existem momentos em que eu só quero ouvir, ao invés de ver tudo porque existem sons que são visualmente irresistíveis com textura e cores. Eu fico ‘ah, isso é demais!'”

Lorde se prepara para lançar o sucessor de Pure Heroine, Melodrama, em 16 de Junho. Recentemente, a cantora dividiu com os fãs uma playlist com o que ela anda ouvindo.

 
Compartilhar