vacas-adoram-lorde

Nem só de humanos se faz um fã clube da prodígio Lorde. O fazendeiro Derek Klingenberg, que já tem alguns milhares de fãs no Facebook, resolveu apresentar a cantora aos bovinos.

Derek toca uma versão mais sombria de Royals em seu trombone, sentado em um campo aberto e completamente vazio. Não demora muito para o rebanho pontilhar no horizonte e, lentamente, chegar mais perto, tímidas e curiosas com a serenata.

No meio da empolgação, elas já estão praticamente correndo em direção à fonte da música e, ouso dizer, até dançando um pouquinho.

A plateia de vacas assiste ao show no trombone e, participativas, entoam a canção mugindo e abanando o rabo.

Não é a primeira vez que vacas reagem positivamente ao estímulo musical. Em 2011, a banda americana de jazz The New Hot 5 tocou para uma plateia curiosa de vacas em Autrans, França, e postou a performance no Youtube.

Um estudo da Universidade de Leicester, desenvolvido por pesquisadores britânicos, revelou que as vacas produzem mais leite quando ouvem música clássica ou calma.